Após enchente, mais de 100 famílias estão desabrigadas em Mirador | O Imparcial

Na última segunda-feira (3), a Prefeitura do município de Mirador, no Maranhão, decretou, por meio de nota, estado de calamidade pública na cidade. Ao todo, são 101 famílias desabrigadas, após a cheia no do Rio Itapecuru, por causa das chuvas intensas dos últimos dias.

Várias casas em Mirador desabaram após a enchente, atingindo ruas e avenidas. Várias pessoas já estão se mobilizando para ajudar as famílias desabrigadas pela chuva. O Corpo de Bombeiros está na cidade para auxiliar os moradores e auxiliar no combate a enchente que atinge o município.

imagem05-01-2022-12-01-33
imagem05-01-2022-12-01-33
Prefeitura de Mirador decretou estado de calamidade pública. (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

No total, 20 povoados estão isolados por conta do volume da água. Medicamentos e alimentos estão sendo levados para as famílias afetadas pela enchente. De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros da operação em Mirador, povoados maiores, como Ibira, Cocos e Conceição, receberão apoio de equipes em embarcações vindas de Balsas, Caxias e São Luís.

imagem05-01-2022-12-01-34
imagem05-01-2022-12-01-34
No total, 20 povoados de Mirador estão isolados por conta do volume da água. (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Além dos resgates, o Corpo de Bombeiros também está ajudando no remanejamento das vítimas, que deverão receber cestas básicas disponibilizadas pelas autoridades. Algumas famílias preferiram ficar em casa de parentes, mas há abrigos disponibilizados pelas cidades próximas. Há também serviço de traslado até hospitais para quem precisa de atendimento médico.

Fonte: oimparcial.com.br/noticias/2022/01/apos-enchente-mais-de-100-familias-estao-desabrigadas-em-mirador