Cazaquistão diz que 164 foram mortos e 5 mil estão presos em meio a protestos

Foto: Turar Kazangapov / Reuters Militar cazaque na capital do país, Nursultan 09 de janeiro de 2022 | 13:01

Cazaquistão diz que 164 foram mortos e 5 mil estão presos em meio a protestos

mundo

O Ministério da Saúde do Cazaquistão informou neste domingo (9) que o saldo de mortos em meio à crise que se desenrola no país chega a 164 e que duas das vítimas são crianças.

A atualização representa um salto em relação às cifras divulgadas durante a semana, quando foi anunciado que 26 manifestantes e 18 policiais haviam morrido. A maior parte das mortes ocorreu em Almati, a maior cidade do país, com cerca de 1,7 milhão de habitantes.

Cresceu, ainda, o número de pessoas detidas pelas forças de segurança. Ao menos 5.135 cidadãos foram presos no escopo de 125 investigações, de acordo com informações do Ministério do Interior cazaque.

Folhapress

Fonte: politicalivre.com.br/2022/01/cazaquistao-diz-que-164-foram-mortos-e-5-mil-estao-presos-em-meio-a-protestos