AirPods 2 ainda vale a pena? Veja análise antes de comprar fone da Apple

Os foram lançados pela . A segunda geração do fone de ouvido sem fio manteve o design de sucesso do estreante da linha, mas com algumas melhorias técnicas, como o chip H1 — presente também nos e nos , este último. Outra característica aplaudida é a compatibilidade com a, que permitiu ao fone ser controlado por meio de comandos de voz.

O modelo chegou ao Brasil com preço de R$ 1.349 em sua versão de entrada, sem estojo de recarga sem fio. Hoje, a mesma variante custa R$ 1.649 na loja oficial da maçã. Além de ter ficado mais caro, as especificações — que não incluem recursos como e resistência à água — podem ser um pouco defasadas em relação a fones de ouvido atuais. Confira a análise da ficha técnica doe veja se vale a pena comprar o fone mais de dois anos após seu lançamento.

🎧

— ou seja, não fica dentro do canal auditivo. Isso é aliado ao fato de que ele não traz ponteira de silicone, resulta em menor isolamento acústico.

Outra crítica constante do aparelho da Apple é a de que ele cai com facilidade da orelha. No entanto, nos , realizados com a primeira geração dos AirPods, isso não aconteceu. O gadget ficou firme mesmo balançando a cabeça, resultado que deve se repetir com o sucessor, já que até o peso é o mesmo.

e pode ser recarregado sem fio, por meio do , usado pela maioria dos dispositivos de carregamento wireless. Na parte da frente há um indicador LED que mostra o status da bateria, sinalizando quando a carga está completa.

Qualidade de som

A Apple não divulga as especificações de áudio dos AirPods, portanto é impossível fazer uma análise estrita da ficha técnica neste quesito. É possível projetar, no entanto, que o desempenho seja um pouco superior ao da primeira geração do fone, tendo em vista que houve melhoria no processamento com a introdução do chip H1. De acordo com a fabricante, ele possui capacidade melhor de transmissão de voz sem chiados.

Os AirPods originais, , entregam graves pouco encorpados. A qualidade sonora foi, em geral, semelhante a dos , modelo com fio da maçã.

e rastreamento dinâmico de cabeça, que criam um ambiente sonoro mais imersivo em conteúdos (filmes ou músicas) compatíveis com a função.

e os AirPods Max .

Quando comparado com marcas rivais, o modelo fica bastante caro, algo já esperado para um produto Apple. O , que traz design "chupado" dos AirPods e ficha técnica quase idêntica, custa R$ 145 na loja oficial da .

Já o , que foi considerado , é encontrado com . Ele faz parte da linha Reflect, que certifica a fidelidade do som estéreo do dispositivo, e traz como outros atrativos bateria com dez horas de reprodução de música, Bluetooth 5.0 e certificação IP67, o que faz dele à prova d'água e poeira.

📝

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

Fonte: www.techtudo.com.br/noticias/2021/11/airpods-2-ainda-vale-a-pena-veja-analise-antes-de-comprar-fone-da-apple.ghtml