Como escolher o melhor notebook na Black Friday

A Black Friday é uma ótima oportunidade para quem está em busca de um novo . Apesar da crise no setor de semicondutores e a alta nos preços, não faltam opções no mercado. O Shoptime tem algumas dicas para você fazer a melhor escolha.

Você pode começar sua busca pela marca, se possui uma de confiança, ou pelas dimensões do notebook, caso prefira um computador com tela maior ou menor. Os equipamentos com Windows são a maioria dos modelos à venda, mas também existem opções com Linux e os Macbooks da Apple.

Se não é o seu caso, a primeira coisa a olhar é o processador, que é o cérebro do computador, o principal responsável pelo desempenho da máquina. Enquanto você pode atualizar a quantidade de memória RAM, o tipo e o espaço de armazenamento, é basicamente inviável trocar o chip em um notebook.

Entrada – Se o seu uso é estudo e atividades básicas, como Internet, vídeos, texto e e-mail, um modelo de entrada pode atender. As melhores indicações são notebooks com processadores Atom e Celeron, da Intel, e AMD Athlon da série 3000.

Intermediário – Se você trabalha com arquivos mais pesados, planilhas, muitas abas abertas no navegador e aplicativos online, a recomendação são os notebooks com chips Intel Core i3 ou Core i5 ou AMD Ryzen 3 ou Ryzen 5, de bom custo-benefício.

Para computadores com chip Intel, dê preferência para 11a, décima e nona geração, nesta ordem. A Intel acaba de lançar os processadores de 12a geração, mas não é possível afirmar que os preços de notebooks com chips mais antigos vão cair, especialmente, em razão da crise no setor de semicondutores.

Para os processadores da AMD, busque notebooks com chips das séries 3000, 4000 ou 5000, que é a mais moderna.

Avançado – Se a sua necessidade é com tarefas mais exigentes, edição e renderização de vídeo, programação e design, é ideal procurar por notebooks com chips como Intel Core i7 e AMD Ryzen 7. O clock desses chips costuma ser maior, assim como a quantidade de núcleos: há opções de quatro, seis ou até oito núcleos.

Jogador – Para os gamers, não há como fugir dos processadores mais potentes, como o Intel Core i7 e o AMD Ryzen 7 e Ryzen 9, e de uma configuração especial, com destaque para placa de vídeo dedicada. Há notebooks com sistema de resfriamento para suportar longas horas de ação, que demandam toda a performance da máquina.

Processadores com múltiplos núcleos são os mais interessantes, atualmente, uma vez que os sistemas e aplicativos são desenvolvidos para tirar proveito dessa situação. Quanto maior a velocidade e mais opções, melhor será o desempenho com múltiplos aplicativos abertos ou para tarefas mais exigentes.

Outro fator a considerar é a taxa de transferência, em gigahertz (GHz), que indica a velocidade real do chip. Porém, há diferenças no desempenho multicore (priorizando a contagem dos núcleos) e do desempenho por núcleo.

Outras especificações

Juntamente com um bom processador, quanto mais memória RAM tiver o notebook, mais tranquilo e fluido será o uso, com menos travamentos na abertura dos programas e realização das tarefas com mais de um aplicativo aberto.

Se investir em um modelo com 8 GB de RAM, deverá enfrentar muito menos engasgos. Porém, não deixe de verificar se o notebook escolhido tem upgrade facilitado de memória.

Sobre armazenamento, o notebook pode vir com um HD convencional, que é mais barato e mais lento no acesso aos arquivos, ou com disco SSD, que é mais moderno e muito mais ágil, porém, adiciona no custo final do equipamento.

A maior parte dos notebooks de perfil custo-benefício tem tela HD e placa de vídeo integrada. Pensando na qualidade da imagem e no conforto dos olhos, a escolha por um modelo com tela Full HD seria interessante.

A placa de vídeo dedicada é essencial para quem trabalha com criação, edição e artes e também para gamers, além de facilitar a exibição da área de trabalho em monitores melhores ou múltiplas telas.

Na questão do tamanho, quanto menor e mais leve o notebook, mais portátil e fácil de levar para a escola, faculdade, trabalho e outros compromissos. Um modelo de até 15 polegadas é o ideal para carregar bem protegido na mochila.

Existem modelos mais focados em design e performance, que são mais leves e têm bordas mais finas, com mais espaço de tela. Com isso, um notebook com tela de 14 polegadas pode ter as dimensões de um computador convencional de 13 polegadas. Vale a pena pesquisar.

Universo Apple

Saindo do universo PC, a Apple acaba de lançar os novos modelos de Macbook Pro, com os processadores M1 Pro e M1 Max, destinados justamente a profissionais que precisam de muito desempenho. Os reviews têm sido muito elogiosos.

Os lançamentos do ano passado, Macbook Pro e Air com o chip M1, também receberam muitos elogios, inclusive, de quem trabalha com edição de vídeo. Pelo visto, essas máquinas já entregam uma performance muito acima da média, na comparação com processadores Intel, que a Apple utilizava até 2020.

O preço de notebooks Apple é caro no Brasil, mas também vale a pena avaliar pelos resultados.

A já começou, com descontos de até 80%, até 50% de cashback, frete grátis e cupons de desconto.

No dia 26 de novembro, a partir das 20h, tem Super Live Black Friday Shoptime, com apresentação de Adriane Galisteu, shows de Melim e Gustavo Mioto e participações de Carla Diaz e Ary Fontoura. Durante toda a live, que será transmitida nos , da Adriane, da Melim e do Gustavo Mioto, haverá cupons de desconto e ofertas exclusivas.

Fonte: www.techtudo.com.br/noticias/2021/11/como-escolher-o-melhor-notebook-na-black-friday.ghtml