Fluxo (Free Fire) | Esports

Saiba tudo sobre a organização de esports Fluxo, criada por Bruno "Nobru" Goes e Lucio "Cerol" Lima

por Igor Gomes em 28/07/2021 13h54

O Fluxo é uma organização de esportes eletrônicos, criada em 18 de janeiro de 2021 pelo jogador Bruno “Nobru” Goes e pelo streamer Lucio “Cerol” Lima com foco no battle royale Free Fire, jogo de maior sucesso da empresa Garena. O Fluxo iniciou sua caminhada no cenário competitivo disputando a Série A da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF), e já em sua primeira participação, pela 4ª edição do campeonato, conquistou o título, se classificando assim para o mundial de Cingapura, realizado em maio de 2021.

No campeonato internacional, o Fluxo teve uma boa participação, terminando na 4ª colocação. Outra equipe brasileira que também participou da competição foi a LOUD, que se sagrou vice-campeã. O Free Fire World Series de Cingapura foi vencido pela Phoenix Force, que dominou praticamente todas as quedas.

História

Após atuar pelo Corinthians por mais de um ano, e ser campeão mundial em 2019, Nobru se aliou a Cerol, um dos maiores streamers do Brasil na modalidade, para criar sua própria organização de esports, o Fluxo. O anúncio da criação foi feito em 18 de janeiro de 2021. O Fluxo montou um time com diversos grandes jogadores do cenário nacional, incluindo Jonatha "JapaBKR" Pereira, ex-companheiro de Nobru no clube paulista, para a disputa da Série A da LBFF.

Em sua primeira participação, o Fluxo teve uma grande atuação e desbancou a LOUD nos critérios de desempate para se sagrar campeão brasileiro. A conquista garantiu uma vaga na etapa principal do Free Fire World Series (FFWS), o campeonato mundial. Além disso, o coach Luiz “K9” Alberto e o jogador Gabriel “Syaz” Vasconcelos foram selecionados para a seleção da LBFF.Free Fire World Series.

No FFWS, o Fluxo teve um começo ruim de campeonato, caindo em 10º lugar na primeira queda. Contudo, a equipe fez boas apresentações nas três quedas seguintes, mas não conseguiu nenhum Booyah. Na última queda, Nobru e companhia foram eliminados logo de cara e terminaram a participação no campeonato com 59 pontos, o que os garantiu em 4º lugar geral.

A Phoenix Force, equipe da Tailândia, dominou a competição com quatro (4) Booyahs nas seis (6) quedas disputadas e foi a grande campeã. Outra equipe brasileira, a LOUD mostrou uma ótima consistência durante todas as quedas, o que lhe rendeu o vice-campeonato.Elenco e streamers Desde sua criação, o Fluxo mantém o mesmo elenco competitivo. Além de fundador e CEO, Nobru é jogador e participou tanto da LBFF quanto do Mundial. Além dele, outro nome bastante conhecido é o de JapaBKR, MVP e campeão brasileiro pela Team Liquid em 2020. Fora a equipe competitiva, o Fluxo também tem um time de streamers. Confira abaixo todos os membros da organização.

Elenco competitivo

– Bruno “Nobru” Goes – Jonatha “JapaBKR” Pereira – Gabriel “Syaz” Vasconcelos – Felipe “F4K” Bandeira – Juan “GODKILL” Viana – Luiz “K9” Alberto (treinador)

Streamers

– Igor “Gorila” Alan – Alessandra “Ale Maze” Tramontini – Heloisa “Rajah” Camargo – Luan “JonVlogs” KovarikMansões

Fonte: www.techtudo.com.br/tudo-sobre/fluxo-free-fire.html