Nova rede social tem limite de 100 posts por usuário; entenda

A Internet ganhou uma nova rede social um tanto quanto inusitada. Trata-se da Minus, plataforma que lembra o estilo do Facebook, mas, ao contrário da rede de Zuckerberg, desencoraja a atividade constante e permite que os usuários publiquem no máximo 100 posts – por toda a vida. Idealizada pelo artista e professor da Universidade de Illinois Ben Grosser, a Minus quer estimular os usuários a refletir sobre a relevância de um conteúdo antes de publicá-lo.

A plataforma, na verdade, é um experimento encomendado pela organização de artes Arebyte Gallery, para ser exibido na exposição Software for Less, em Londres. No site do projeto, Grosser argumenta que as redes sociais reconfiguram a forma como pensamos a vida e o mundo para gerar cada vez mais engajamento e, consequentemente, receita para as empresas. Segundo o artista, a ideia de criar uma rede social finita surgiu a partir do questionamento "e se uma rede social quisesse menos, não mais?”.

1 de 2 Rede social com posts limitados? Entenda a proposta da plataforma Minus — Foto: Marcela Franco/TechTudo

Rede social com posts limitados? Entenda a proposta da plataforma Minus — Foto: Marcela Franco/TechTudo

Qual a sua rede social favorita? Opine no Fórum do TechTudo

A Minus lembra os primórdios do Twitter, quando o microblog ainda não exibia contagem de curtidas e era livre de anúncios. Com layout minimalista e cores claras, o feed da plataforma não é algorítmico e exibe os posts em ordem cronológica.

Logo abaixo da caixa de publicação, o usuário pode ver quantos posts lhe restam. A rede social permite publicar o máximo de 100 posts, sem exceção (excluir uma postagem, por exemplo, não dá um post de volta). "Assim como a vida, a Minus tem limites", afirma texto descritivo na tela de login da rede.

Além disso, a plataforma não conta com curtidas, retweets e nem nada parecido. Os usuários não podem seguir contas, e a única interação permitida na Minus é responder uns aos outros. No entanto, é possível bloquear membros, caso você não queira mais visualizar os posts de determinadas pessoas. A plataforma está disponível no endereço "minus.social" (sem aspas). O cadastro é simples, bastando informar nome, e-mail e senha.

2 de 2 Minus: rede social finita traz layout simples e poucos recursos — Foto: Reprodução/Marcela Franco

Minus: rede social finita traz layout simples e poucos recursos — Foto: Reprodução/Marcela Franco

Minus tece crítica a redes sociais populares

O próprio nome da rede social – "menos", em tradução livre para o português – transmite a ideia de uma plataforma mais simples, que convida o usuário a reduzir o ritmo de produção de conteúdo, bastante acelerado em plataformas como Facebook e Instagram. Segundo Ben Grosser, as empresas de mídias sociais criam um ambiente virtual vicioso em que os usuários precisam sempre produzir e postar mais e mais.

"As plataformas embutem em nós a ideia de que nossa própria sociabilidade é melhor avaliada e compreendida por meio da quantidade. Eles reconfiguram nosso senso de tempo de uma forma que pode fazer minutos ou horas atrás parecer antigos", afirma Grosser no site oficial do projeto.

Rede social Minus limita postagem de usuários — Foto: Divulgação/ Minus

Vale destacar que a Minus não nasceu para ser um modelo de negócio sustentável, como as populares plataformas Twitter, Instagram e Facebook, mas sim uma provocação. A ferramenta faz parte de um experimento que tem o intuito de questionar o funcionamento das redes sociais. O objetivo é que as pessoas reflitam sobre como seria a comunicação virtual caso as redes não fossem projetadas para envolver os usuários e engajá-los a todo o custo, em troca de retorno financeiro para as empresas.

Com informações de Ben Grosser e Input

Veja também: Quatro coisas que você nunca deve postar nas redes sociais

Quatro coisas que você nunca deve postar nas redes sociais

Fonte: www.techtudo.com.br/noticias/2021/10/nova-rede-social-finita-tem-limite-de-100-posts-por-usuario-entenda.ghtml