Produção do iPhone 13 requer 200 mil trabalhadores extras e 100 ônibus

O lançamento do iPhone 13 deve mesmo acontecer em setembro, no que depender das movimentações recentes da Apple em busca de mão de obra extra. A contratação massiva em Zhengzhou, na China, indica cerca de 200 mil trabalhadores temporários para ajudar na produção da próxima geração de celulares. A fábrica conta com uma capacidade para até 350 mil operários e pode produzir até meio milhão de telefones por dia.

A firma de investimentos Wedbush Securities estima que a Apple tenha como meta a distribuição de até 150 milhões de iPhones a partir do lançamento. Nesse cenário, a cadeia de suprimentos localizada na Ásia deve garantir uma produção inicial entre 90 milhões e 100 milhões de unidades.

🔎 iPhone 13 deve estrear 1 TB de armazenamento

2 de 2 Movimentação de subsidiárias da Apple para a contratação de trabalhadores indica a proximidade do lançamento do iPhone 13 — Foto: Reprodução/9to5Mac

Movimentação de subsidiárias da Apple para a contratação de trabalhadores indica a proximidade do lançamento do iPhone 13 — Foto: Reprodução/9to5Mac

Apesar da dificuldade de atrair o grande contingente, alguns governos locais se dispuseram a ajudar na mobilização de trabalhadores. Uma das ações para estimular o interesse da população foi fretar cem ônibus para levar os operários até o local. Outra questão que pode atrair a atenção em geral são os bônus obtidos pelos funcionários, inclusive para aqueles que indicarem novas pessoas para o emprego.

Uma publicação que surgiu nesta quinta-feira (26) nas redes sociais também reforça o lançamento do iPhone 13 num futuro próximo. A imagem publicada no Twitter pelo analista Duan Rui traz uma embalagem com a mensagem “iPhone 13. Desenhado pela Apple na Califórnia. Montado na China”. Seria um indicativo de um anúncio em breve.

O tweet movimenta ainda mais as especulações sobre o celular, mas Rui explica que não é uma informação em primeira mão, e sim um repasse de uma fonte “relativamente confiável”. A ressalva feita na publicação deve prevenir possíveis percalços com a Apple, que enviou cartas de advertência a pessoas que vazam informações antes da hora.

iPhone 12: cinco coisas que você precisa saber sobre o lançamento

Como de costume, a fabricante não se pronunciou sobre o assunto. Permanece a expectativa em torno de um lançamento no próximo mês, como já é tradição na empresa. Ela foi quebrada em 2020 com iPhone 12, anunciado em outubro devido à pandemia.

A próxima leva deve se chamar iPhone 13, apesar do numeral gerar rejeição em algumas culturas, em especial na Ásia. Os celulares devem trazer as mesmas proporções de tela vistas nos modelos anteriores, fazendo mudanças pontuais no entalhe do display e nos recursos das câmeras.

Com informações de 9to5Mac e South China Morning Post

Mais do TechTudo Como desligar iPhone 12 Apple lança powerbank para iPhone 12 com cola magnética iPhone 12 Mini: após fiasco, Apple encerra produção de celular pequeno

Fonte: www.techtudo.com.br/noticias/2021/08/producao-de-iphone-13-requer-200-mil-trabalhadores-extras-e-100-onibus.ghtml