Com essa tragédia lá na Bahia, a gente tem que espairecer um pouco

Diário, ontem eu estava numa dúvida terrível sobre o que fazer. As minhas opções eram:

a) Devo ir para a Bahia prestar solidariedade?

b) Devo visitar um hospital com vítimas da covid?

c) Devo me vacinar para servir de exemplo?

Kkk! Eu tô zoando contigo, Diário. As minhas opções eram:

a) Pescar

b) Andar de jet ski

c) Ir num parque de diversões

Como já tinha feito as opções “a” e “b”, optei pela “c”. Com essa tragédia lá na Bahia, a gente tem que espairecer um pouco, é ou não é?

Fui muito bem recebido no Beto Carrero World. Será que é por causa que o BNDES botou R$ 50 milhões lá em 2019?

que ficou me xingando de “genocida”, de “vagabundo” e de uns palavrões aí. Tomara que ninguém veja isso na internet. Aí fica parecendo que em todo lugar que eu apareço só me aplaudem.

Bom, no parque eu fiz as coisas que eu mais gosto: aglomerei, segurei criança sem máscara e tirei foto. Também dei umas derrapadas num carro deles lá. Aliás, no tocante a derrapadas, eu sou craque. que comigo só e nunca anda pra frente, kkk! Opa!, essa piada foi contra mim mesmo. Ando lendo tanta gracinha da esquerdalha que me contaminei.

Bom, depois de fazer publicidade pro Beto Carrero, fiz também pra Havan, visitando uma loja deles. Se eu perder esse emprego aqui, vou virar garoto propaganda. Posso anunciar qualquer coisa: nióbio, cloroquina, Itapemirim, caixão…

Mas eu não fiz só comerciais pros outros. À noite fiz comercial pra mim mesmo. É que foi dia da minha live. Lá eu disse mais umas feiquenius, tipo “ouvi dizer que vacina faz mal pra criança” e “uma universidade que eu não lembro o nome disse que a ômicron vem aí pra vacinar todo mundo”.

Ou seja, quando é uma doença que vacina, eu sou a favor. Mas quando é uma vacina que evita a doença, aí eu sou contra. Deu pra entender, Diário? Eu tenho uma lógica muito particular.

Fonte: www.redebrasilatual.com.br/blogs/diario-do-bolso/2021/12/com-tragedia-na-bahia-a-gente-tem-que-espairecer