Concurso CRP BA: novo edital pode ser lançado em 2021!

O Conselho Regional de Psicologia da 3ª Região, Bahia, deve finalizar, em 2021, os preparativos para a publicação de seu novo edital (concurso CRP BA 2021). Esse será o terceiro concurso público da história do conselho profissional

Entramos em contato com a diretoria do conselho para obtenção de detalhes sobre o andamento do certame. Mas, até o fechamento desta notícia, o CRP BA ainda não havia respondido.

Desde janeiro de 2020 que é conhecida a comissão responsável por tomar as primeiras providências. Veja abaixo o comunicado oficial da instituição:

imagem03-01-2021-06-01-57

De imediato o que precisa ser anunciada é a contratação de uma empresa organizadora.

O regime de contratação dos servidores do CRP BA é fundamentado na Consolidação das Leis do Trabalho (regime celetista).

Essa autarquia de direito público tem como finalidade primordial “orientar, disciplinar, fiscalizar e regulamentar o exercício da profissão de psicóloga/o no estado da Bahia”. É com o CRP BA que estão resguardados os princípios éticos da profissão, contribuindo assim para o desenvolvimento da Psicologia, enquanto ciência e atividade profissional.

O CRP BA está subordinado ao sistema Conselhos, tendo o Conselho Federal de Psicologia e os outros Conselhos Regionais como integrantes.

Sua sede baiana está situada na capital, Salvador. Mas há uma subsede em Feira de Santana, outra em Vitória da Conquista. 

Na cidade de Itabuna há um escritório de apoio. Saiba mais sobre o CRP BA.

O Conselho Regional de Psicologia da 3ª Região lançou seu último edital em 2012 com o apoio da empresa Concepção Consultoria Técnica Especializada.

Segundo aquele edital de concurso público, a oferta foi de apenas três vagas e formação de cadastro reserva.

As oportunidades foram para atuar em Salvador e em Vitória da Conquista. O salário variava de R$ 622,00 a R$ 2.457,84, em jornadas de 20 e 40 horas semanais.

Para o nível superior as vagas foram distribuídas entre os cargos/empregos de Advogado, Bibliotecário, Contador, Jornalista e Psicólogo Orientador Fiscal.

Os cargos/empregos de Assistente Administrativo I e II, Auxiliar Administrativo, Recepção e Técnico de Arquivo foram destinados a candidatos de nível médio.

Com ensino fundamental como requisito as vagas foram para a ocupação de Auxiliar de Serviços Gerais.

As inscrições custaram R$ 20,00 para disputar o posto de nível fundamental. Candidatos de nível médio e superior pagaram R$ 30,00 e R$ 50,00, respectivamente.

A prova escrita foi composta de 30 questões objetivas de múltipla escolha. O estilo da organizadora da época foi o de cobrar questões com cinco alternativas de resposta (apenas uma opção correta). 

Houve ainda uma questão discursiva – redação e prova de títulos. Os conteúdos das provas foram os seguintes, mas é preciso lembrar que houve variações, conforme o emprego disputado:

  • Português;
  • Conhecimentos específicos;
  • Legislação específica;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Constitucional;
  • Direito Processual Penal;
  • Direito Penal e Humano;
  • Direito Processual Civil;
  • Direito Tributário;
  • Direito do Trabalho e Processual do Trabalho.

As provas escritas foram aplicadas na capital, Salvador.

CRPPrevistosBahiaAlberto VicenteAlberto VicenteRedatorFormado em Letras pela UEFS, colabora com o time Concursos no Brasil desde 2011, produzindo conteúdos sob medida para os seus leitores. Começou a escrever textos para a internet no ano de 1997 e não parou mais.

Compartilhe

Fonte: www.concursosnobrasil.com.br/concursos/ba/concurso-crp-ba.html