Prefeitura firma parceria para instalar novas unidades de coleta de recicláveis em Salvador – Toda Bahia

Da Redação

Neste mês de junho, quando é celebrado o Dia Mundial do Meio Ambiente, é marcado também pelo reinicio das atividades de coleta seletiva em Salvador, suspensa há 15 meses em função da pandemia. Esse retorno acontece nesta sexta-feira (11), com a abertura de três unidades Casa Soma de coleta de resíduos recicláveis, que ficarão sediadas no bairros de Stella Maris (Praça de Stella Maris), Ribeira (Largo do Papagaio) e Paripe (sede da Prefeitura-Bairro Subúrbio/Ilhas). A iniciativa foi anunciada pela manhã pelo prefeito Bruno Reis, acompanhado da vice-prefeita Ana Paula Matos e de representantes da startup de impacto So+ma e do Grupo Heineken, patrocinador do projeto.

“Com essa parceria, Salvador dá um passo a mais na questão da coleta seletiva na cidade. Falar em meio ambiente e sustentabilidade é falar de futuro e, somente com parcerias, vamos poder construir juntos um mundo mais saudável. Nesta ação da Casa Soma, foi assumido o compromisso de não só consolidar, mas também ampliar o programa”, disse o prefeito.

A volta do recebimento de materiais através dos contêineres das unidades da Casa So+ma marcará também a expansão da parceria com o Programa Soma Vantagens, que é desenvolvido pela startup SO+MA e patrocinado pelo Grupo Heineken no Brasil. O objetivo do programa, que em 2019 inaugurou em Salvador duas unidades de coletas de materiais – uma em Paripe e a outra em Periperi, é chegar até setembro de 2021 com 12 estruturas implantadas na cidade, sendo duas delas em espaços privados.

“A atividade de coleta seletiva é extremamente necessária para a cidade, tanto do ponto de vista ambiental como do social. Quando conseguimos fazer com que esses dois fatores façam parte de um mesmo projeto, é inspirador. Esse é o caso dessa parceria da Prefeitura com a SO+MA. Ela estimula a consciência ambiental do cidadão através de uma moeda social, que é o resíduo reciclável, e ainda movimenta a economia local”, destacou a titular da Secretaria Municipal de Sustentabilidade e Resiliência (Secis), Edna França, também presente na ocasião.

De acordo com a fundadora da SO+MA, Claudia Pires, o projeto busca construir diálogo e reforçar hábitos. “Queremos continuar estimulando boas práticas e mostrar que comportamentos benéficos, como o hábito da reciclagem, por exemplo, geram impacto positivo na comunidade”, comentou.

Economia circular

Esse formato de estímulo à coleta seletiva visa, sobretudo, promover a economia circular e oferecer benefícios reais para atitudes socioambientais dos cidadãos. Isso porque, com o descarte, a população pode acumular pontos e trocá-los por produtos ou serviços, como cursos profissionalizantes, alimentação básica e itens de higiene – auxílio de grande importância, em especial, para pessoas em situações de vulnerabilidade durante o período de pandemia.

O Grupo Heineken é um dos principais parceiros do programa, que vem atuando em conjunto desde a concepção do projeto. “Nós acreditamos na importância deste programa como um catalisador de mudança social e ambiental, pois ele olha não apenas para a gestão de resíduos, mas também para o desenvolvimento da comunidade local. Por meio dessa parceria, queremos fomentar o diálogo em relação a temas importantes, além de gerar oportunidades e capacitar a população”, afirmou Ornella Vilardo, gerente de Sustentabilidade do Grupo Heineken no Brasil.

O representante da Cooperativa de Catadores Agentes Ecológicos de Canabrava (Caec), Luiz Carlos Rebouças, ressaltou que a iniciativa é mais uma contribuição para que Salvador consiga vencer um grande desafio: garantir a realização da coleta seletiva na cidade. “Na Caec são 55 famílias que vivem diretamente do beneficiamento e coleta dos materiais. Essa ação com a Casa Soma vai incentivar a coleta seletiva para tornar Salvador uma cidade mais sustentável e levar o material diretamente para os atores envolvidos”, declarou.

Resultados 

Até março de 2020, antes da pandemia, 155,5 toneladas de resíduos foram reciclados através das unidades de Paripe e Periperi, com 2 mil famílias cadastradas e 37 cursos profissionalizantes realizados. Além disso, um total de 8.651 trocas por itens de higiene pessoal, limpeza, serviços e alimentação. Inclusive, o maior volume foi referente a alimentos, com 8.098 trocas.

Como funciona 

Para participar dos benefícios, o cidadão precisa fazer um cadastro no site www.app.somavantagens.com.br. O material levado até uma Casa Soma é pesado e o valor é convertido em pontos, que podem ser trocados depois por benefícios. As unidades funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h, e aos sábados, das 9h às 12h e das 13h às 18h. Todos os resíduos recicláveis arrecadados são destinados às cooperativas e a renda obtida com a comercialização do montante é 100% revertido para essas entidades.

Fonte: www.todabahia.com.br/prefeitura-firma-parceria-para-instalar-novas-unidades-de-coleta-de-reciclaveis-em-salvador