Prefeitura de Caruaru levanta estudo que aponta número de empresas instaladas no entorno da Via Parque

Publicado em: 13/10/2021 20:06

Foto: Janaína Pepeu/Prefeitura de Caruaru

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Economia Criativa (Sedetec), levantou números, através de estudo, sobre as atividades econômicas realizadas no entorno da Via Parque. Com 8,5 quilômetros de extensão e conectando 17 bairros, um dos principais equipamentos de mobilidade urbana da Capital do Agreste reúne, hoje, no seu entorno e nos seus principais trechos, 442 empresas formais com atuações, principalmente nos setores do comércio, da indústria e de serviços.De acordo com a pesquisa da Sedetec, desde que foi implantada, a Via Parque vem impulsionando a instalação de novas empresas, bem como gerando novos postos de trabalho, em Caruaru. Exemplos disso são os trechos da Avenida Rui Barbosa, no Bairro Divinópolis, e na Avenida Frei Caneca, no Bairro Maurício de Nassau, que tiveram um crescimento no quantitativo de empreendimentos instalados, respectivamente, de 4% e 8%, de novembro de 2019, quando a primeira das três etapas da Via foi inaugurada, até o último mês de setembro, quando o levantamento foi finalizado. O estudo da pasta municipal também identificou os trechos principais da Via que vêm concentrando o maior volume de empresas em atividade. O líder do ranking tem correspondido ao da Avenida Rui Barbosa, com 212 em operação. Em seguida vem o da Avenida Frei Caneca, com 160 empresas instaladas; o da Avenida Caruaru, na Boa Vista, com 57; o da Rua Cleto Campelo, no Centro, com oito, além do trecho da Rua Manoel Bezerra da Silva, no Bairro Vila Kennedy, com cinco empreendimentos em atuação.Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Economia Criativa, de Caruaru, André Teixeira Filho, a obra da Via Parque vem propiciando melhorias para cidade em vários aspectos, inclusive, o financeiro. “Com a Via Parque, mais pessoas passaram a praticar esporte e lazer, bem como mais atividades sociais passaram a ser desenvolvidas. No aspecto econômico, o avanço também tem sido significativo, devido a chegada de novas empresas e novos empregos”, disse.BairrosOutro aspecto interessante observado no estudo da Sedetec se referiu à forte concentração de renda e potencial de consumo dos bairros interligados pela Via. Juntos, eles possuem um volume populacional de 231 mil habitantes, uma soma de renda domiciliar que supera os R$ 125 milhões ao mês, além da presença de 21.673 empresas formais.Para chegar a tais números, a Sedetec levantou dados da Secretaria Municipal da Fazenda (Sefaz), do IBGE e do Conselho de Desenvolvimento de Pernambuco (Condepe).

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Fonte: www.diariodepernambuco.com.br/noticia/vidaurbana/2021/10/prefeitura-de-caruaru-levanta-estudo-que-aponta-numero-de-empresas-ins.html