Jornalista relata em livro 200 casos verídicos de façanhas, dramas e aventuras nos oceanos

Em 29 de janeiro de 2014, um pequeno barco chegou a uma esquecida praia das Ilhas Marshall, nos confins do Oceano Pacífico. Dentro dele havia apenas um tripulante, exausto e praticamente nu, mas com uma extraordinária história para contar: como sobreviveu 13 meses sem água ou comida no mar, depois que o motor de seu barco quebrou. Ele ficou esse tempo todo à deriva. Um feito inacreditável, mas totalmente verdadeiro. Um dos muitos casos verídicos, vivido no maior dos oceanos.

O mar sempre fascinou a humanidade. Durante séculos, muitos se aventuraram em oceanos ainda desconhecidos. E esse fascínio gerou diversas aventuras e histórias. O jornalista Jorge de Souza resgatou várias delas em seu site, onde publica novas histórias náuticas verídicas todos os dias. As pesquisas para essas histórias deram origem a seu livro, também chamado Histórias do Mar – 200 casos verídicos de façanhas, dramas, aventuras e odisseias nos oceanos, lançado em abril de 2019.

O livro foi escrito em tom de reportagem pelo jornalista, ex-editor das revistas Náutica e Viagem e Turismo, entre outras. Tendo o mar como personagem principal, Jorge é um especialista em contar histórias complexas com linguagem simples e agradável.

Parece ficção, mas é real

Algumas histórias são curtíssimas e curiosas; outras bem maiores, mas igualmente extraordinárias. Todas, porém, têm em comum o fato de serem verídicas, embora, em alguns casos, de tão surpreendentes, mais pareçam obras de ficção.

Como a história do francês que atravessou o oceano Atlântico à nado. A do tubarão que ajudou a desvendar um assassinato. A passageira que passou 15 anos a bordo do mesmo transatlântico. O passageiro que assumiu o controle do navio e evitou que ele afundasse. O velejador que tentou vencer uma regata de volta ao mundo sem sair de onde estava. O aventureiro que cruzou oceanos com um automóvel em vez de um barco. O navio que passou 38 anos navegando sem ninguém a bordo e o cargueiro que foi engolido por uma onda e não deixou nenhum vestígio.

Na entrevista com Rodolpho Gamberini, Jorge conta algumas dessas histórias e fala sobre seu projeto para um novo livro.

Conheça o canal de O Planeta Azul no YouTube

Fonte: www.redebrasilatual.com.br/blogs/planeta-azul/2021/05/jornalista-relata-200-casos-veridicos-dramas-aventuras-oceanos