Tribunal do Genocídio julgará Jair Bolsonaro nesta quinta-feira

São Paulo – Palco de tantos atos e protestos em defesa da democracia no Brasil, o Tuca, teatro da PUC-SP, sediará nesta quinta-feira (25), o Tribunal do Genocídio. Organizado pelo Coletivo Professor André Naveiro Russo, junto com docentes, estudantes, funcionários, e apoio da Reitoria da PUC-SP, o evento será realizado entre 8h30 e 12h, com transmissão pela TV PUC e também pela . O objetivo é julgar os atos e as omissões dos responsáveis pelas mais de 613 mil mortes no Brasil, causadas pela pandemia de covid-19 durante o governo de Jair Bolsonaro.

“É um julgamento necessário, e a gente espera que depois ele seja feito também pelos órgãos apropriados, nacionais ou internacionais”, diz a magistrada Kenarik Boujikian. Desembargadora aposentada do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Kenarik vai presidir o corpo de jurados.

“A sociedade não pode ficar observando a tragédia. A grande maioria das vítimas veio a óbito porque os responsáveis pela administração pública federal adotaram uma política negacionista, irresponsável e desumana”, afirmaram os organizadores, no Ato de Instituição do Tribunal do Genocídio.

Para representar a sociedade e apresentar a acusação, foi nomeada a ex-procuradora-geral da República Déborah Duprat. Organizações da sociedade civil também participarão. Para tanto, constituíram assistentes da acusação que apresentaram razões de fato e de Direito até esta terça-feira.

A defesa dos atos do governo de Jair Bolsonaro ficará a cargo do advogado Fabio Tofic Simantob.

Não pode ficar impune

Entre as vítimas da covid-19, em junho deste ano, está o professor André Naveiro Russo, 50 anos, que dava aulas no curso de Jornalismo da PUC. Para homenageá-lo, foi criado esse coletivo que leva seu nome e reúne docentes, estudantes e trabalhadores da universidade.

“O genocídio não pode ficar impune. Enquanto não for possível instalar um processo real, a comunidade universitária da PUC-SP, com o propósito de chamar a atenção da opinião pública, realizará o julgamento público da política da administração pública federal”, ressalta o coletivo.

Acompanhe o julgamento

Fonte: www.redebrasilatual.com.br/politica/2021/11/tribunal-do-genocidio-julgara-jair-bolsonaro-quinta-feira-puc-sp