Wellington Dias defendeu que o Brasil tem condições de acelerar o ritmo de vacinação da população.

O presidente do Consórcio Nordeste e governador do Piauí, Wellington Dias, participou, de um webinário abordando os desafios para uma articulação nacional no enfrentamento à pandemia. Coordenado pelo movimento Direitos Já: Fórum pela Democracia, o evento pontuou dificuldades  enfrentadas pelo Brasil em diversas áreas em função da Covid-19 e apontou caminhos para solução.

Convidado para o painel cujo tema era “A pandemia nos estados: construção de uma articulação nacional”, Wellington Dias defendeu que o Brasil tem condições de acelerar o ritmo de vacinação da população.  “Precisamos de um compromisso, um pacto que envolve a sociedade.  A Organização Mundial de Saúde (OMS) tinha um cronograma de entrega de vacina e não foi cumprido. É real a possibilidade de atingirmos a imunização em massa
se tivermos um conjunto de líderes dialogando c a OMS” considerou Dias.

A falta de coordenação do governo Federal em ações nacionais de combate à transmissibilidade do coronavírus, compra de insumos e aquisição de vacinas no tempo oportuno, foram pontos destacados no encontro.

Participaram do webinário, os ex-ministros de Estado, Nelson Jobim e José Serra, pesquisadores, prefeitos, entre outras autoridades.