“É um problema gravíssimo”, diz Dudu sobre alagamentos em Teresina

O vereador Dudu Borges (PT) falou sobre os alagamentos causados pelas chuvas na cidade de Teresina e ressaltou a necessidade de unir forças para minimizar os impactos causados por esse período chuvoso.

Ao Viagora o parlamentar afirma que o problema é gravíssimo e dá como exemplo a região do Torquato Neto, na zona Sul da capital que também sofre com as enchentes.

    “Uma coisa é certa, desde quando tiraram a Dilma da presidência, não se construiu mais uma casa popular em Teresina, um conjunto habitacional e isso potencializou várias ocupações em áreas de risco na nossa cidade. É um problema gravíssimo, temos ali a região do Torquato Neto que eu já realizei audiências públicas para tratar desse problema, aquela região fica inundada, causando prejuízos e até morte, já foram registradas várias mortes lá”, disse.

    O vereador ressalta o problema da zona Norte com os alagamentos. “Na zona Norte de Teresina tem a região do Mafrense, do Poti Velho, do Alto Alegre, são regiões próximas aos rios, que tem ainda áreas ocupadas e por falta de uma política nacional e das gestões anteriores, essas áreas ainda são áreas que enfrentam esse problema”, afirmou.

    Para Dudu a solução é remanejar as pessoas para áreas mais seguras, mas que deve haver um diálogo entre o poder público e a população para que não hajam problemas sobre o local da mudança.

    “A solução é óbvia, é termos condições de remanejar essas famílias para áreas mais seguras, mas não adianta o poder público deslocar famílias que tem enraizamento, por exemplo, no Mafrense tem, pessoas que moram ali há 30 anos, mudar para a Santa Maria da Codipi, elas não vão. Então precisa ser discutido por várias mãos, a população e o poder público e assim poder ter uma solução onde podemos diminuir os impactos desse problema”, declarou.

    Nessa terça-feira (04), o vereador protocolou um requerimento destinado ao prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, para a suspensão do decreto municipal nº 19.434/2020, que proíbe a alteração de emenda parlamentar por mais de uma vez e para iniciativa executada pelo mesmo órgão.

    Segundo Dudu, o objetivo é permitir que emendas possam ser utilizadas em benefício da população atingida pelas enchentes na capital.

    “Precisamos unir forças em todos os poderes para que possamos minimizar os impactos das fortes chuvas. No entanto, existe o decreto que proíbe os vereadores de remanejarem as suas emendas. Com a suspensão, teremos a mobilidade de direcionar parte delas para que possamos também contribuir com a assistência das famílias que são prejudicadas”, explicou.

    Fonte: www.viagora.com.br/noticias/e-um-problema-gravissimo-diz-dudu-sobre-alagamentos-em-teresina-93409.html