Bolsonaro diz que inflação está alta porque o povo comeu demais e engordou – Hora do Povo

Bolsonaro. Foto: Alan Santos/PR

Zombando mais uma vez dos brasileiros, Jair Bolsonaro disse em sua live pelas redes sociais na quinta-feira (9/9) que a inflação aumentou no Brasil porque o povo “passou a comer mais” e “todo mundo engordou”.

Ao contrário do que afirma Bolsonaro, para tentar tira o corpo de sua responsabilidade na explosão da inflação, a fome aumentou no país. São 19,3 milhões de brasileiros na pobreza extrema e outros mais de 100 milhões vivem a insegurança alimentar, não sabem o que irá ou mesmo se irá comer no dia seguinte.

A inflação disparou. Em agosto alcançou a maior taxa para o mês em 21 anos, puxada pelos combustíveis que aumentaram nas refinarias com aval de Bolsonaro, mas também por conta dos alimentos. O IPCA de agosto foi de 0,87%, a maior taxa para o mês desde 2000, No ano, acumula alta de 5,67% e em 12 meses chegou a 9,68%.

Os preços dos alimentos mais do que dobraram em agosto em relação a julho (uma alta de 1,39% contra 0,60%) e tiveram o segundo maior peso sobre o IPCA do mês.

O preço das carnes, do arroz e do feijão estão, basicamente, impedindo os brasileiros de fazer uma refeição básica. Nos últimos 12 meses até agosto, a variação de preços das carnes foi de 30,8%; o óleo de soja: 67,7%; feijão fradinho: 40,3%; músculo: 38,9%; açúcar refinado: 37,7% e o arroz: 32,7%. Isso para citar alguns produtos.

Além de acabar com os estoques reguladores, na contramão do mundo, Bolsonaro durante a pandemia priorizou a exportação dos alimentos e os preços dolarizados, tudo em nome do “livre mercado”. E quando questionado sobre o preço do feijão, chamou de “idiota” quem defende comprar feijão. E declarou: “Tem que todo mundo comprar fuzil, pô.”.

Enquanto isso, no Brasil crescem as filas nos açougues por compra de ossos. O frango já não consegue substituir a carne, porque também ficou 40% mais caro. E até o tradicional café com leite está difícil de tomar.

ACENDER A VELA

Quanto à explosão na conta de luz, mais uma vez Bolsonaro pediu para o povo acender uma vela. “Deixa eu fazer um pedido para a maioria dos brasileiros. Por favor, dá pra você apagar uma luz dentro de casa agora. Eu peço a você agora, se puder desligar uma lâmpada agora na sua casa, desligue. Mas dá para colaborar agora você apagando aí”, apelou.

E mais, “se der para você subir ou descer no seu prédio dois, três, quatro, cinco andares pela escada, suba. Não use o elevador, ajuda a gente. Se puder, quando fizer barba, usar menos água, ajuda a gente também. É um apelo que eu faço a todos vocês nesse momento aí”, disse sem citar a nova tarifa de energia da nova bandeira tarifária aumentada em 50% a partir deste mês de setembro, autorizada por ele.

Fonte: horadopovo.com.br/bolsonaro-diz-que-inflacao-esta-alta-porque-o-povo-comeu-demais-e-engordou