Dólar abre em queda, mas se mantém cotado acima de R$ 5,60

Foto: Paulo Vitor/Estadão Conteúdo O dólar iniciou as negociações desta terça-feira, 6, em queda, de cerca de 0,4%, cotado a R$ 5,65 06 de abril de 2021 | 09:45 economia

O dólar iniciou as negociações desta terça-feira, 6, em queda, de cerca de 0,4%, cotado a R$ 5,65.

O mercado de câmbio pode continuar sensível à precificação da moeda americana no exterior, que nesta manhã é de leve alta. No entanto, o dólar já está perdendo valor ante o peso mexicano, o que pode limitar um ajuste para cima ante o real. Além disso, com o avanço da inflação interna, as expectativas de alta mais agressiva da taxa Selic em maio ganham apoio, favorecendo ainda um dólar mais fraco. Porém, um pano de fundo de cautela fiscal tende a persistir em meio ao impasse no orçamento de 2021.

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, nesta terça, repetiu, em evento virtual do FMI e Banco Mundial, a avaliação de que o mercado global passa por uma “reflação”, caracterizado por um movimento de alta de preços aliado a uma recuperação da economia. Segundo ele, essa questão está por trás do aumento dos preços internacionais das commodities, que tem impactado a inflação no Brasil.

Campos Neto lembrou ainda que a maioria dos países emergentes precisaram lançar grandes pacotes fiscais para enfrentarem a pandemia de covid-19, o que elevou a dívida dessas economias. “Estamos neste ambiente, no qual, de repente, os mercados passaram a precificar que você precisa elevar os juros, mas você tem uma dívida muito maior. Então os países com maior endividamento tiveram uma desvalorização maior de suas moedas, uma elevação maior dos prêmios de risco no fim da curva. E essa diferenciação ficou ainda maior”, concluiu.

A moeda dos Estados Unidos acumula alta de cerca de 10% neste ano. Em comparação com janeiro de 2020, pré-pandemia, a variação acumula mais de 35% – a cotação girava em torno de R$ 4. O patamar atual, porém, não é o mais alto, em termos nominais, quando não se desconta a inflação. O recorde foi atingido em 14 de maio do ano passado: R$ 5,9718.

Nas casas de câmbio, de acordo com levantamento realizado pelo Estadâo/Broadcast, o dólar turismo é negociado perto de R$ 5,90.

Estadão Conteúdo Voltar para a página inicial

Fonte: politicalivre.com.br/2021/04/dolar-abre-em-queda-mas-se-mantem-cotado-acima-de-r-560