Criação do Brasil contra o Peru agrada, e Tite quer ter “dificuldade de convocação”

A comissão técnica liderada por Tite ficou satisfeita com o setor de criação do Brasil na vitória sobre o Peru, alcançada na noite desta quinta-feira, na Arena Pernambuco. Após a partida pelas Eliminatórias Sul-Americanas, o treinador já projetou dificuldade para elaborar a próxima convocação.

No primeiro tempo, superior desde o começo, o Brasil criou boas oportunidades e saiu na frente por meio de Éverton Ribeiro e Neymar. Na segunda etapa, com vantagem confortável no marcador, Gabriel e Hulk ainda desperdiçaram chances de aumentar a diferença.

“(A criação) nos agradou muito. É uma estrutura de equipe com dois externos criadores, Paquetá e Everton. Mais um meio campista de boa construção, o Gerson. Jogando juntos pela primeira vez, esses atletas conseguiram um grande desempenho”, disse o auxiliar Cléber Xavier.

Com os atletas da Premier League impedidos de participar das Eliminatórias, Tite deu chance a outros jogadores nas últimas rodadas. Contra o Peru, por exemplo, o Brasil terminou com Hulk e Edenilson em campo, além dos jovens Matheus Cunha e Bruno Guimarães.

“Não costumo externar uma opinião aqui e outra com eles (jogadores). Vou repetir o que disse: ‘Joga muito no seu clube. Concorrência em alto nível te eleva. Seja leal’. Vamos estar buscando cada vez mais, com dificuldade. Sim, queremos ter dificuldade de convocação”, disse o treinador.

Com 24 pontos, seis a mais que a Argentina, a equipe dirigida por Tite lidera o torneio classificatório à Copa do Mundo de 2022. Pela 11ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, sem o suspenso Neymar, a Seleção Brasileira volta a campo para visitar a Venezuela, última colocada da tabela, no dia 7 de outubro.

Deixe seu comentário

Fonte: www.gazetaesportiva.com/times/brasil/criacao-do-brasil-contra-o-peru-agrada-e-tite-quer-ter-dificuldade-de-convocacao