29ª FESTIVAL MIX BRASIL termina domingo | Acesso Cultural

Vai até este domingo (21/11) o 29º Festival Mix Brasil, o mais importante evento de cultura LGBTQI+ da América Latina, que apresenta parte da sua programação presencial e a outra parte segue online, podendo ser assistida de qualquer parte do país e acessada a partir do site do #MixBrasil (). Tudo Gratuito.

Os últimos dias do Festival trazem filmes premiados pelo mundo e inéditos no Brasil como “A Fratura” de Catherine Corsini, vencedor do Queer Palm no Festival de Cannes; “Being BeBe – A História de BeBe Zahara Benet” de Emily Branham, documentário sobre a primeira vencedora de RuPaul’s Drag Race; O Canto do Cisne”de Todd Stephens, protagonizado pelo ator Udo Kier; “Os Amores de Anaïs” de Charline Bourgeois-Tacquet, seleção oficial da Semana da Crítica do Festival de Cannes; “Um Lugar Distante” de Park Kun-young, vencedor do Grande Prêmio do Júri no Outfest Los Angeles; “Bliss”, de Henrika Kull, seleção oficial do Panorama da Berlinale, Frameline e Queer Lisboa, entre outros.

Já entre os filmes nacionais os cinéfilos ainda podem conferir “A Primeira Morte de Joana” de Cristiane Oliveira (RS), “Madalena” de Madiano Marcheti (MS) e “Vênus de Nyke” de André Antônio (PE).

Créditos: Divulgação

Para fechar com chave de ouro no dia 21/11 às 19h tem a premiação seguida de um show presencial no MIS (Museu da Imagem e do Som) com a cantora Raquel, uma das fundadoras da banda “As Bahias e a Cozinha Mineira”, e agora em carreira solo com a música Las Muchachas de Copacabana, clássico do Chico Buarque.

Público de Casa

O público de casa também tem uma programação extensa de cinema, teatro, talks e literatura. Os 5 espetáculos teatrais inéditos, exibidos no Mix deste ano e que levantam temas fundamentais para comunidade LGBTQIA+ já podem ser conferidos online nas plataformas digitais do #Mix e . Entre os filmes estão disponíveis online os aguardados “Boy Meets Boy” de Daniel Sánchez Lopéz, “Sweetheart” de Marley Morrison, “Wigudun, Alma de Dois Espíritos” de Fernando Muñoz, Raphael Salazar, “Máquina do Desejo” de Joaquim Castro, Lucas Weglinski, “Deus Tem AIDS” de Fábio Leal, Gustavo Vinagre, entre outros.

Toda a programação online do 29º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade poderá ser acessada gratuitamente a partir do e também através dos seguintes links: Facebook: /FestivalMixBrasil, Instagram: @FestivalMixBrasil, Twitter: @fmixbrasil e Youtube: fmixbrasil. Os filmes poderão ser assistidos pelas plataformas digitais , e . O acesso a alguns filmes será limitado e alguns longas serão exibidos apenas em sessões presenciais (consulte a programação).

Créditos: Divulgação

O evento é uma realização da Associação Cultural Mix Brasil, Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura e conta com a iniciativa da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio de Mercado Livre, Itaú e Spcine e apoio de Sesc e Biblioteca Mário de Andrade.

Serviço – 29° Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade

Até 21 de novembro| GRATUITO

Programação completa:

***Protocolo de prevenção Covid 19 para todos os espaços: É obrigatória a apresentação de passaporte/comprovante de vacinação (1 ou 2 doses), via app ou físico, com documento com foto) e haverá aferição de temperatura

“Para mais informações, consulte a bilheteria de cada espaço”

Formada em Letras na Universidade Federal do Ceará, apaixonada por cultura italiana, tv, teatro e música. Valoriza as pequenas coisas, momentos com os amigos e sonha em viajar pelo mundo.

Fonte: acessocultural.com.br/2021/11/29a-festival-mix-brasil-maior-festival-lgbtqi-da-america-latina-vai-ate-domingo