Segmentos turísticos apresentam melhores resultados em setembro Brasil Cultura

 

Aeroporto de Brasília (DF), Bonito (MS) e Itaipu Binacional (PR) registraram os seus melhores números no último mês

O que o aeroporto de Brasília (DF), a cidade de Bonito (MS) e a Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu (PR), têm em comum? Eles apresentaram, em setembro, o melhor mês do ano. O primeiro bateu recorde de movimentação de passageiros desde o início da pandemia. Já a segunda registrou o seu melhor resultado em sete anos. E o último teve a maior atividade turística de 2021, reafirmando a retomada do turismo no atrativo.

De acordo com o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, os números são animadores e reforçam a importância das ações do Ministério do Turismo, que auxiliaram o setor nesta retomada. “Estamos contentes com estes dados, que só confirmam o caminho certo que seguimos durante a pandemia em prol do nosso setor. Estou confiante que mês após mês conquistaremos números cada vez maiores e que impactarão positivamente em nossa economia”, disse.

Dados da Inframerica, operadora do Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília (DF), apontam a marca histórica de 1 milhão de passageiros e dez mil pousos e decolagens em setembro, se tornando o maior fluxo do ano. No feriado do Dia da Independência, em 7 de setembro, 183,5 mil pessoas passaram pelo local durante os seis dias, alta de 36% em comparação ao de Corpus Christi.

Em Bonito (RS), o Observatório do Turismo apontou mais de 84 mil visitantes em atrativos naturais da cidade no último mês. No mesmo período de 2020 esse número foi de 52.062 e em setembro de 2019 o número de acessos foi de 46.460. Os bons números também foram sentidos pela Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu (PR). Ao todo, a usina contou com 35.460 visitantes, considerando as duas margens da hidrelétrica, localizadas no Brasil e no Paraguai. De janeiro a setembro, o local já recebeu mais de 196,8 mil pessoas.

PROTOCOLOS – Para preparar o setor de turismo para a retomada das atividades, de forma segura e responsável, ainda no ano passado, o Ministério do Turismo lançou o Selo Turismo Responsável, Limpo e Seguro. Trata-se de uma sinalização visual que identifica estabelecimentos e guias de turismo que assumiram, declaradamente, o compromisso em adotar protocolos de biossegurança elaborados pela Pasta e, desta forma, proteger turistas e trabalhadores contra a Covid-19.

Atualmente, quase 30 mil selos já foram emitidos para 15 atividades turísticas, como meios de hospedagem, parques temáticos, restaurantes, cafeterias, bares, centros de convenções, feiras, exposições, guias de turismo, dentre outros. Cada segmento possui um protocolo sanitário específico.

Por Victor Maciel

Fonte: www.brasilcultura.com.br/sem-categoria/segmentos-turisticos-apresentam-melhores-resultados-em-setembro