"Forças ocultas tentam levar discussões eleitorais para o trabalho diário na Câmara", diz Geraldo Jr.

Davi Lemos

O presidente da Câmara Municipal de Salvador e pré-candidato a vice-governador da Bahia, Geraldo Jr. (MDB), disse neste domingo (1º), durante inauguração do Hospital MaterDei, em Salvador, que não há atritos no Legislativo soteropolitano. “Há decisões que são externas – de algumas pessoas que a gente intitula de ‘forças ocultas’ – que tentam jogar essas discussões [das disputas eleitorais deste ano] para dentro da Câmara”, declarou o emedebista.

Segundo Geraldo Jr., a Câmara Municipal vai continuar no seu ritmo de trabalho. “Mas eu me preocupo muito com essa afirmação de que o governo não quer dar quórum [nas sessões plenárias e também nas comissões]. A Câmara precisa tomar as decisões a favor da cidade, e disputas acerca de eleições majoritárias não podem influenciar a operacionalidade da Câmara Municipal da cidade de Salvador”, comentou o vereador, que rompeu com o prefeito de Salvador, ACM Neto, pré-candidato do União Brasil ao governo estadual.

Geraldo Jr. ainda disse que tem certeza de que haverá compreensão da base do governo, do partido independente e da bancada de oposição para o andamento das matérias na Casa. “Vamos deixar disputas político-ideológicas e cuidar de nossa cidade, o que é mais importante”, disse.

Campanha

Sobre as viagens ao interior do estado ao lado do pré-candidato a governador Jerônimo Rodrigues (PT), Geraldo Jr. ressalta que ambos têm recebido “o calor, o amor e a simpatia dos baianos”. “Eu tenho procurado, através do Programas de Governos Participativos (PGPs), entender ainda mais a realidade das pessoas, as especificações de cada região. O que é interessante é que a gente conhece a Bahia, mas a gente tem buscado agora entender o que tem a Bahia na sua essência e nas suas particularidades”, declarou o presidente da Câmara de Salvador.

Fonte: todabahia.com.br/forcas-ocultas-tentam-levar-discussoes-eleitorais-para-o-trabalho-diario-na-camara-diz-geraldo-jr