Fortaleza registra aumento de 52% de casos de Covid-19 na primeira semana epidemiológica de 2022 | Portal GCMAIS

CENÁRIO DA PANDEMIA Fortaleza registra aumento de 52% de casos de Covid-19 na primeira semana epidemiológica de 2022 Os dados são do IntegraSus, sistema gerido pelo Governo do Ceará REDAÇÃO GCMAIS Postado em 18 de janeiro de 2022 Compartilhe: Testagem é fundamental para o controle da pandemia. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O primeiro balanço de 22 com dados da situação epidemiológica da pandemia em Fortaleza indicaram um aumento de de 52% de casos de Covid-19, em relação à dezembro de 2021. Ao todo, foram notificados 29.620 casos da doença na Capital. No mês passado, haviam sido 19.041 casos. Os dados são do IntegraSus, sistema gerido pelo Governo do Ceará, que constatam o avanço da Covid-19 em decorrência da chegada da nova variante ômicrom no Estado e das festas de fim de ano.

Os dados do IntegraSus também mostram um aumento significativo na ocupação dos leitos hospitalares que tratam casos de Covid-19. A título de comparação, o final de 2021 registrou a ocupação de 61,54% dos leitos de UTI e 79,41% dos eleitos enfermaria. Já no início de 2022 a ocupação era de 87,34% dos leitos de UTI e 91,89% dos leitos de enfermaria.

O levantamento mostra também que os óbitos por Covid-19 em dezembro em 2021 chegaram a 22 e nesta primeira semana de 2022, 42 e a taxa de letalidade que era de 0,8 cresceu para 4,2. Já a taxa de positividade dos exames também cresceu de 3,67% em dezembro para 24,54% neste mês de janeiro.

Leia também |

O aumento dos índices no grau de positividade nos testes de Covid-19 acarretou em uma grande procura assistencial na rede estadual de saúde. Diante desse cenário, o Governo do Estado vem realizando um plano emergencial com a realização de testagem em massa em todos os municípios; reforço no monitoramento dos casos de Covid-19; aumento da fiscalização dos protocolos sanitários estabelecidos e a ampliação da vacinação (D1, D2 E D3). Outra medida foi o início da vacinação de crianças de 5 a 11 anos, iniciada no último sábado (15).

Após aumento de casos de Covid-19, Governo adota medidas

No último decreto, o Governo Estado reduziu o número de pessoas em grandes eventos, sendo permitido 500 pessoas em locais abertos e 250 em ambientes fechados, e também a exigência do passaporte vacinal no setor público e privado. As autoridades têm reforçado, ainda, a necessidade da imunização.

O governador Camilo Santana comentou, na ocasião, a importância a vacinação, afirmando que a grande maioria das pessoas que contraem a Covid e que estão vacinadas, apresenta sintomas mais leves e geralmente não precisa de internação. Por outro lado, observa que quem se interna ou está na UTI, são exatamente àquelas pessoas que não se vacinaram.

Fonte: gcmais.com.br/noticias/fortaleza/2022/01/18/fortaleza-registra-aumento-de-52-de-casos-de-covid-19-na-primeira-semana-epidemiologica-de-2022