Irmã de Gil do Vigor vive episódio de racismo em loja: ‘Está doendo’

Janielly Nogueira, irmã de Gil do Vigor, viveu um episódio de racismo enquanto escolhia uma bolsa para comprar em um shopping de São Paulo.

Nas redes sociais, Janielly contou que, ao entrar no estabelecimento, a vendedora conversava apenas com a assessora de imprensa da mãe, Jacira Santana, e a ignorava. A comunicóloga tentou explicar que não era cliente da loja, mas não teve sucesso.

Relacionadas

“Passei por um constrangimento tão grande. Passei por uma loja para comprar uma bolsa, uma loja meio cara. Estávamos eu e a assessora [de imprensa] da minha mãe, que por sinal é galega, branquinha”, disse ontem no InstaStory. “E a vendedora não falou comigo, não deu atenção. Pediu um cadastro só para a assessora da minha mãe, por ser branca e eu, preta. Fico impressionada como as pessoas ainda têm essa visão, de cores. Está doendo”.

Hoje, Janielly voltou a falar sobre o assunto e deixou um recado para a vendedora nas redes sociais: “Querida, eu amo a minha cor. Eu queria ser mais pretinha, mas Jesus me fez assim. Mas eu amo a minha cor, sou muito orgulhosa de tudo o que eu vivo. E, assim, não consigo entender como as pessoas no século XXI conseguem ainda ter esse tipo de pensamento, sabe, de humilhar, de [se] desfazer das pessoas na cara de pau, porque ela nem disfarçou”.

A influenciadora não quer mais comentar sobre o tema por ser algo que a entristece. “Então, fui me divertir, fui conhecer a Pocah, a Carlinha [Diaz] para me tirar desse estresse [porque] eu estava muito magoada; Gilberto ficou indignado”, completou.

Fonte: tvefamosos.uol.com.br/noticias/redacao/2021/06/09/irma-de-gil-do-vigor-relata-episodio-racista-em-loja-esta-doendo.htm