PM denunciado por assédio e ameaça contra ex-soldada é promovido a coronel – Hora do Povo

Jéssica Paulo, que denunciou o então tenente-coronel de assédio sexual, denunciou também em junho que estava sofrendo de perseguições de dentro da corporação. Foto: Reprodução

O policial militar Cássio Novaes, denunciado por assédio sexual e por ameaçar de morte a ex-soldada Jéssica Paulo do Nascimento, em abril deste ano, foi promovido a coronel e aposentado da corporação, conforme atos administrativos publicados na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) do último sábado (17).

Desde o período em que as denúncias foram protocoladas na Corregedoria da Polícia Militar, Cássio cumpria licença remunerada. De acordo com informações do G1, a Polícia Militar confirmou a aposentadoria e justificou que foi devido ao tempo de serviço.

Ainda que não esteja mais na ativa, a apuração das denúncias continua, uma vez que as trocas de mensagens denunciadas pela ex-soldada aconteceram enquanto os dois atuavam na corporação. Caso seja considerado culpado por assédio sexual e ameaças de morte, o processo pode fazê-lo perder o posto, bem como a aposentadoria de coronel.

Jéssica Paulo, que denunciou o então tenente-coronel de assédio sexual, denunciou também em junho que estava sofrendo de perseguições de dentro da corporação. Segundo a vítima, um grupo de WhatsApp foi criado para disseminar ódio contra ela.

Após as denúncias, Cássio chegou a ser afastado do comando do batalhão e a investigação seguiu conduzida pela Corregedoria da PM sob sigilo.

Fonte: horadopovo.com.br/pm-denunciado-por-assedio-e-ameaca-contra-ex-soldada-e-promovido-a-coronel