“Governo Federal não segue orientações da OMS”, diz Rejane Dias

A deputada federal Rejane Dias falou sobre a no Piauí e fez críticas ao Governo Federal 

A parlamentar afirmou que o governo é negacionista e que não segue as orientações da OMS. A deputada também falou sobre a nova variante do novo coronavírus, a Ômicron, que tem um alto risco de contágio.

    “É aquilo que eu tenho dito, é o governo negacionista, é um governo que não segue as orientações da Organização Mundial de Saúde, de quem está estudando essa doença dia e noite, de quem realmente se especializou que são cientistas, os médicos, vai sempre na contra mão, e é muito grave porque nós estamos diante de uma outra variante que é a Ômicron e o contagio dela é muito mais rápido, imagina essas crianças sem terem sido vacinadas”, explica a deputada.

    Para a deputada o Governo Federal também não tem apoiado as políticas públicas voltadas para dar suporte as famílias que foram impactadas pela pandemia e falou sobre a situação do desemprego no país.

    “Estamos vivendo uma situação muito difícil hoje no país, com um governo negacionista que não tem apoiado as vacinas, por conta da pandemia da Covid que tem matado muita gente, um governo que não tem apoiado as políticas públicas necessárias para socorrer as famílias em um momento tão difícil como esse em consequência da pandemia, já chegamos a 14 milhões de brasileiros desempregados, está a metade da população brasileira vivendo em total insegurança alimentar e a gente precisa priorizar a população”, declara.

    Rejane Dias falou sobre o cenário internacional e explicou que os Estados Unidos já apresentam um aumento no número dos casos de internação das crianças infectadas com a nova variante

    “Nós estamos acompanhando nos Estados Unidos que aumentou o número de crianças internadas por conta dessa nova variante que não é igual a outra variante, que muitos foram acometidos e parece ser mais grave do ponto de vista da contaminação, então a preocupação é essa, com a saúde das nossas crianças e elas não deixam de ser um vetor para trazer o vírus para casa e família”, destaca a parlamentar.

    A parlamentar destacou a atuação do Governo do Piauí diante da pandemia e ressaltou a defesa da vacina contra a covid-19 pelo governador Wellington Dias.

    “Eu acredito que o governador Wellington está muito atento com relação a isso, foi um grande defensor da vacina e da vida e eu acho que, não tenho certeza ainda, mas eles estão caminhando aí, até porque eles têm um grupo de especialistas que está sempre orientando o governador para tomada da melhor decisão possível”, explicou.

    Reeleição em 2022

    Na oportunidade, a deputada federal Rejane Dias também declarou que seu nome está à disposição para uma candidatura à reeleição nas disputas eleitorais deste ano.

    “Sempre evitei falar de política no ano de 2021, porque foram tantos os problemas em que as pessoas tiveram que enfrentar, as famílias, que eu disse que ‘não é o momento de estar falando disso, e sim de juntar e se unir para ajudar realmente aqueles que mais precisam’. Vamos iniciar já esse ano, um ano realmente de eleição, vou colocar meu nome à disposição, cabe a população e deus em primeiro lugar, sou uma mulher de muita fé, acredito muito e creio que nada acontece sem a permissão de deus e é isso vivendo sempre na dependência do senhor jesus, mas me colocando sempre à disposição do meu povo”, disse.

    Fonte: www.viagora.com.br/noticias/governo-federal-nao-segue-orientacoes-da-oms-diz-rejane-dias-93367.html