Janones: “atacar as urnas é covardia de Bolsonaro sabendo que vai ser surrado nas eleições” – Hora do Povo

Deputado federal André Janones, candidato a presidente da República pelo Avante. Foto: Reprodução – Globonews

O deputado federal e candidato à Presidência da República, André Janones (Avante-MG), afirmou que a certeza de Jair Bolsonaro que “vai ser surrado nas urnas é o motivo do questionamento ao sistema eleitoral”.

Bolsonaro “é um covarde que não consegue lidar com a possibilidade de perder as eleições”, disse o deputado em sabatina realizada pela Globonews, no programa “Central das eleições”.

“Por ser um covarde e não conseguir enfrentar uma eleição em que ele não é favorito e sabe que a tendência é que ele perca, usa a estratégia mais covarde de todas que é atacar o sistema eleitoral e continuar dizendo para a base dele que só não venceu as eleições porque o sistema foi fraudado”, continuou.

André Janones declarou, durante a sabatina, que, caso não vá para o segundo turno das eleições, ficará “ao lado da democracia, ao lado da defesa das nossas instituições, da liberdade de imprensa, do meu direito, seu direito e de todos nós, de discordarmos, debatermos sem que isso implique risco direto à nossa vida”.

O candidato do Avante falou que Bolsonaro age, mais uma vez, como um “negacionista” quando diz que as pesquisas eleitorais são fraudadas por mostrar vantagem para Lula.

Bolsonaro “transforma” seus encontros com apoiadores como “prova” de que ele não tem menos intenção de votos do que Bolsonaro.

“Transforma isso na justificativa para dizer que o sistema vai fraudar as eleições, que as pesquisas são falsas e que ele, portanto, vai vencer as eleições se a gente tiver um sistema que para ele é confiável”.

“Se eu fosse adepto ao negacionismo bolsonarista, diria para vocês que tenho absoluta convicção da minha vitória para Presidência da República diante do meu número nas redes sociais”, comparou Janones.

Fonte: horadopovo.com.br/janones-atacar-as-urnas-e-covardia-de-bolsonaro-sabendo-que-vai-ser-surrado-nas-eleicoes