Manifesto pela eleição de Jandira reúne artistas como Chico, Caetano, Gil e Fernanda Montenegro – Hora do Povo

Deputada Jandira Feghali (PCdoB) – Foto: Câmara dos Deputados

Mais de 150 artistas e intelectuais como Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Ivan Lins e Fernanda Montenegro assinaram um manifesto em defesa da reeleição da deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) à Câmara. 

O documento também conta com a assinatura de Marieta Severo, Malu Mader, Cláudia Abreu, Cissa Guimarães, Denise Fraga, Dira Paes, Júlia Lemmertz, Zezé Polessa e Paula Lavigne, além de escritores, jornalistas, poetas, produtores, editores, artistas plásticos, cineastas, diretores, gestores culturais, historiadores, filósofos, sociólogos, professores, dramaturgos, palhaços, dançarinas, economistas, educadores, advogados, religiosos e políticos.

No manifesto Cultura com Jandira, os apoiadores ressaltam que, nas eleições gerais de 2022, mais do que nunca, será necessária a constituição de uma forte bancada parlamentar, na Câmara de Deputados e no Senado Federal, capaz de fazer frente à contraofensiva da extrema direita e que nos permita avançar em uma retomada econômica, educacional, social e cultural. 

Ainda pedem que Jandira defenda uma agenda nacional que enfrente a crise, a fome, as desigualdades e a exclusão social que se agravaram de maneira trágica nos últimos quatro anos; dê relevância estratégica à pauta cultural e compreenda que cultura é direito e deve ser valorizada em todas as suas dimensões.

“Sua experiência, sensibilidade, trajetória, capacidade de diálogo, articulação, trânsito e respeito conquistado junto às mais diversas correntes políticas e ideológicas serão fundamentais para os desafios que o próximo governo, que queremos seja do presidente Lula, deverá enfrentar em um esforço de união e reconstrução nacional”, dizem os artistas.

Os intelectuais destacam o trabalho da parlamentar na presidência da Frente Parlamentar Mista de Cultura e da Comissão de Cultura da Câmara, além de sua relatoria da Lei Aldir Blanc, voltada ao fomento do setor cultural.

“Nosso apoio decidido e entusiasmado à reeleição de Jandira Feghali como deputada federal antecede e independe da opção pelo voto. Trata-se de um reconhecimento à sua atuação, indispensável e imprescindível à cultura e à democracia brasileira”, diz o texto.

“Este manifesto me emociona, me orgulha e me dá o devido tamanho da responsabilidade que tenho com a sociedade brasileira. A cultura nos identifica, simboliza, diz o que somos como povo e como nação, e as políticas culturais são estratégicas em todas as dimensões da vida e do desenvolvimento humano e econômico”, afirmou a deputada. 

“Tenho convicção da absoluta relevância dessas pautas para a democracia e para a estruturação da cidadania e do país. Agradeço demais a mobilização de todas e todos e cada nome aqui colocado, que representa muito para o Brasil”, acrescentou.

A pré-candidatura da deputada do PCdoB à reeleição deve ser oficializada ainda neste mês.

Leia, abaixo, a íntegra do manifesto em apoio a Jandira Feghali:

“Nas eleições gerais de 2022, mais do que nunca, será necessária a constituição de uma forte bancada parlamentar, na Câmara de Deputados e no Senado Federal, capaz de fazer frente à contraofensiva da extrema direita e que nos permita avançar em uma retomada econômica, educacional, social e cultural. Uma agenda nacional que enfrente a crise, a fome, as desigualdades e a exclusão social que se agravaram de maneira trágica nos últimos quatro anos. Que dê relevância estratégica à pauta cultural e compreenda que cultura é direito e deve ser valorizada em todas as suas dimensões.

Neste sentido, nós, trabalhadores e trabalhadoras da cultura, artistas, produtores (as) culturais, intelectuais, militantes e realizadores(as) nos campos das artes, da cultura e da comunicação, afirmamos ser imprescindível e indispensável a reeleição de Jandira Feghali como Deputada Federal.

A presença de Jandira no cenário político brasileiro é uma exigência dos tempos que virão. Sua experiência, sensibilidade, trajetória, capacidade de diálogo, articulação, trânsito e respeito conquistado junto às mais diversas correntes políticas e ideológicas serão fundamentais para os desafios que o próximo governo, que queremos seja do Presidente Lula, deverá enfrentar em um esforço de união e reconstrução nacional. Para o setor cultural, particularmente, o seu mandato é indispensável. Jandira criou e presidiu Frente Parlamentar Mista de Cultura, a Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados e foi autora da Lei Cultura Viva, além de relatar e articular um conjunto de outras conquistas.

Nesta última legislatura, em um contexto de extinção do Ministério da Cultura, pandemia e guerra cultural bolsonarista, foi relatora e articuladora da Lei Aldir Blanc (LAB), atuando de maneira decisiva para garantir o maior investimento já realizado em fomento direto de forma descentralizada para a cultura no Brasil. Os R$3 bilhões da LAB chegaram a todos os estados e cerca de 4.700 municípios brasileiros. A Lei Aldir Blanc 2 (PL 1518/2021), de sua autoria e aprovada pelo Congresso Nacional, significará a efetivação do Sistema Nacional de Cultura no Brasil, com investimento permanente e descentralizado ao setor cultural do Brasil, fortalecendo a gestão da cultura em estados e municípios.

Nosso apoio decidido e entusiasmado à reeleição de Jandira Feghali como Deputada Federal antecede e independe da opção pelo voto. Trata-se de um reconhecimento à sua atuação, indispensável e imprescindível à cultura e à democracia brasileira. Convidamos cada um e cada uma a declarar este apoio, assinando este manifesto.”

Conheça a lista dos artistas e intelectuais que assinam o manifesto:

·  Afonso Borges – gestor cultural, jornalista e escritor

·  Airá Crespo – artista visual/grafite

·  Alberto Villas – jornalista e escritor

·  Alexandra Maia – poeta e produtora

·  Alexandre Santini – produtor e gestor cultural

·  Ana Beatriz Nogueira – atriz

·  Ana Durães – artista plástica

·  Ana Petta – atriz e cineasta

·  Ângela Leal – atriz e diretora do Teatro Rival

·  Antônio Carlos Secchin – poeta, ensaísta e membro da Academia Brasileira de Letras

·  Antônio Grassi – ator e gestor Cultural

·  Antônio Pedro Borges – ator e diretor

·  Augusto Martins – músico, poeta, compositor e cantor

·  Aramis Trindade – ator

·  Bianca de Felippes – produtora de teatro e cinema

·  Bruno Garcia – ator

·  Caetano Veloso – músico e compositor

·  Cagério – músico, compositor e educador

·  Carlos de Andrade – produtor musical

·  Carlos Mills* – produtor musical

·  Carmen Mello – produtora cultural

·  Cecília Boal – Instituto Augusto Boal

·  Célio Turino – historiador e escritor

·  Chico Buarque – compositor e músico

·  Cissa Guimarães – atriz e apresentadora

·  Cláudia Abreu – atriz

·  Cláudio Jorge – cantor, violonista e compositor

·  Cláudio Lins – ator e cantor

·  Cristina Saraiva – música e compositora

·  Cristina Serra – jornalista e escritora

·  David Junior – ator

·  Debora Cheyne – música

·  Denise Fraga – atriz

·  Diana Iliescu – gestora cultural e secretária de Cultura de Petrópolis

·  Didu Nogueira – sambista

·  Dira Paes – atriz

·  Djamila Ribeiro – filósofa, feminista e escritora

·  Dríade Aguiar – Mídia Ninja

·  Eduardo Barata – jornalista, assessor de imprensa e produtor teatral

·  Edwin Luisi – ator

·  Elisa Ventura – produtora cultural

·  Ernesto Piccolo – ator

·  Eugênio Bucci – jornalista e professor

·  Eutânia André – escritora

·  Fabio Assunção – ator

·  Fábio Porchat – ator

·  Fabrício Noronha – gestor cultural e presidente do Fórum de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura

·  Felipe Radicetti – músico, compositor e arranjador

·  Fernanda Abreu – cantora e compositora

·  Fernanda Montenegro – atriz e membro da Academia Brasileira de Letras

·  Fernando Libonati – produtor cultural

·  Flavio Marinho – dramaturgo e diretor

·  Flora Gil – produtora cultural

·  Francis Hime – compositor

·  Fred Melo Paiva – jornalista e escritor

·  Geraldo Carneiro – poeta, dramaturgo e membro da Academia Brasileira de Letras

·  Gilberto Gil – compositor, músico e membro da Academia Brasileira de Letras

·  Gregório Duvivier – ator

·  Guta Stresser – atriz

·  Hildegard Angel – gestora cultural Instituto Zuzu Angel / Museu da Moda

·  Herson Capri – ator

·  Hugo Monteiro Ferreira – professor e escritor

·  Indiana Nomma – cantora

·  Inez Viana – artista

·  Itala Nandi – atriz

·  Ivan Lins – compositor e músico

·  Ivana Bentes – professora titular da UFRJ

·  Ivone Belém – produtora cultural e jornalista

·  Jamil Chade – jornalista e escritor

·  João Donato – compositor e músico

·  Jorge Simas – músico, violonista e sambista

·  José Trajano – jornalista

·  Juca Ferreira – sociólogo e ex-ministro da Cultura

·  Julia Lemmertz – atriz

·  Kakay – advogado

·  Laila Garin – atriz

·  Lana Braga – produtora cultural

·  Lauro Cesar Muniz – escritor e dramaturgo

·  Lea Garcia – atriz

·  Leonardo Giordano – vereador (Niterói/RJ), presidente da comissão de cultura

·  Leoni* – músico e compositor

·  Lillian Pacheco – produtora cultural e educadora griô

·  Louise Cardoso – atriz

·  Lúcio Mauro Filho – ator

·  Luiz Fernando Emediato – escritor e editor

·  Mãe Beth de Oxum – ialorixá, percussionista e ativista cultural

·  Maeve Jinkings – atriz

·  Malu Mader – atriz

·  Manoel Rangel – produtor de cinema e audiovisual, ex-presidente da Ancine

·  Marcelo Serrado – ator

·  Márcia Tiburi – filósofa e escritora

·  Márcio Caires – articulador cultural, griô aprendiz e educador

·  Marco Nanini – ator

·  Maria Edina Portinari – advogada

·  Maria Ribeiro – atriz

·  Marieta Severo – atriz

·  Marina Salomon – professora de dança e teatro

·  Mario Sérgio Medeiros – ator, dramaturgo e produtor teatral

·  Mariza Leão – produtora de cinema

·  Marta Paret – atriz, diretora e produtora

·  Matheus Nachtergaele – ator, diretor e autor

·  Miguel Paiva – cartunista e jornalista

·  Mônica Martelli – atriz

·  Nádia Battella Gotlib – professora e pesquisadora

·  Nicolas Behr – poeta

·  Octávio de Barros – economista

·  Orã Figueiredo – ator

·  Otávio Müller – ator

·  Pablo Capilé – fundador da Mídia Ninja

·  Pasquale Cipro Neto – professor e escritor

·  Patricia Pilar – atriz

·  Paula Lavigne – atriz e produtora cultural

·  Pipa Vieira – sambista e fundador da Rede Carioca de Rodas de Samba

·  Rafael Mattoso – historiador

·  Regina Zappa – jornalista e escritora

·  Renata Sorrah – atriz

·  Ricardo Bacelar – músico, pres. Comissão de arte e cultura da OAB

·  Ricardo Feghali- músico, compositor, tecladista da banda Roupa Nova

·  Ricardo Kosovski – ator e diretor

·  Ricardo Ramos Filho – escritor e professor

·  Richard Riguetti – ator e palhaço

·  Roberto Frejat – músico e compositor

·  Rogério Robalinho – produtor cultural e realizador

·  Ronaldo Cagiano – escritor

·  Rosana Alcântara – advogada e ex-diretora da Ancine

·  Sérgio Abranches – sociólogo, cientista político e escritor

·  Silvana Gontijo – jornalista e escritora

·  Simone Paulino – editora

·  Simone Recchia – cantora e produtora cultural

·  Socorro Acioli – escritora

·  Sonia Lobo – editora de música

·  Stela Freitas – atriz

·  Tata Amaral – cineasta

·  Thais Guimarães – poeta

·  Thiago Justino – ator

·  Thiago Lacerda – ator

·  Tim Rescala – maestro, arranjador e compositor

·  Tom Farias – escritor, biógrafo e crítico literário

·  Tonico Pereira – ator

·  Vanisa Santiago – advogada especialista em direito autoral

·  Wagner William – escritor, produtor de TV e jornalista

·  Washington Olivetto – publicitário

·  Zé Luiz Maia – músico, baixista

·  Zélia Duncan – cantora, música e compositora

·  Zezé Polessa – atriz

Fonte: horadopovo.com.br/manifesto-pela-eleicao-de-jandira-reune-artistas-como-chico-caetano-gil-e-fernanda-montenegro