“Acordão de R$ 4 bi do fundo, não, Bolsonaro! Vete total”, desafia Marcelo Ramos – Hora do Povo

Sessão de votação da LDO embutida com o aumento do fundo eleitoral. Foto: Pablo Valadares – Câmara dos Deputados

O vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL-AM), afirmou que Bolsonaro está armando um acordão para dobrar o valor do fundo eleitoral e passar o montante de R$ 1,7 bilhão para R$ 4 bilhões.

“Atenção! Depois de toda a fanfarronice, o presidente Bolsonaro está armando um acordão pra dobrar o valor do fundo e passar pra 4 bilhões! A verdade sempre aparece!”, escreveu no Twitter.

Acusado pelo presidente Jair Bolsonaro de ser o responsável pelo aumento do fundo eleitoral, o parlamentar também sugeriu que o chefe do Executivo vete integralmente o aumento das despesas relacionadas ao fundo eleitoral.

“Presidente Bolsonaro. Acordão de 4 bilhões, não! Vete total! Cumpra sua palavra! E não espere o último dia do prazo não! Vete hoje e devolva pro Congresso porque aí o voto é obrigatoriamente nominal!”, desafiou.

Em entrevista na noite de segunda-feira (19), Bolsonaro indicou que pode vetar o aumento. Porém, o Palácio do Planalto vem articulando um acordo com parlamentares do Centrão para diminuir o fundão para as eleições de 2022 dos R$ 5,7 bilhões, aprovados na Lei de Diretrizes Orçamentárias, para R$ 4 bilhões. O valor anterior era de R$ 2 bilhões.

Entre os deputados bolsonaristas que votaram pelo aumento do fundo eleitoral estão Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), Carla Zambelli (PSL-SP), Bia Kicis (PSL-DF), Marco Feliciano (Republicanos-SP), Osmar Terra (MDB-RS), entre outros políticos da base governista.

Relacionadas:

Filhos de Bolsonaro posaram de “contra”, mas votaram a favor de triplicar fundão eleitoral “Líderes e filhos de Bolsonaro votaram pelo aumento do fundo”, reage vice da Câmara

Fonte: horadopovo.com.br/acordao-de-r-4-bi-do-fundo-nao-bolsonaro-vete-total-desafia-marcelo-ramos