Eduardo Bolsonaro é o terceiro com Covid-19 da comitiva espalha-vírus a Nova Iorque – Hora do Povo

Ministros Bruno Bianco (AGU) e Tereza Cristina (Agricultura) não foram na comitiva com Eduardo, mas também estão com Covid-19. Fotomontagem

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) informou na sexta-feira (24), por meio de suas redes sociais, que recebeu diagnóstico positivo para a Covid-19.

O filho de Bolsonaro estava na comitiva do governo que foi no início da semana a Nova Iorque, para acompanhar a Assembleia Geral das Nações Unidas. Ainda durante a estadia nos Estados Unidos, o ministro da Saúde Marcelo Queiroga, outro integrante da comitiva, teve resultado positivo em um teste de Covid e foi impedido de viajar de volta ao Brasil, ficando em quarentena no hotel.

Antes de Queiroga, um funcionário do cerimonial recebeu diagnóstico no sábado (18), véspera da chegada da comitiva.

Eduardo Bolsonaro é o primeiro dos que voltaram a ter exame com resultado positivo.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou que todo o grupo que esteve nos Estados Unidos ficasse em isolamento ao chegar no país.

Pelo Twitter, Eduardo Bolsonaro disse não acreditar que a vacina é “inútil”, mas que sua infecção “é mais um argumento contra o passaporte sanitário”. “Estudos sobre efeitos colaterais e eficácia estão ocorrendo agora”, afirmou. O parlamentar afirmou ter tomado a primeira dose do imunizante produzido pela Pfizer. Porém o resultado máximo de eficácia da vacina é obtido apenas após duas semanas da segunda dose.

Além disso, os integrantes da comitiva de Bolsonaro não usaram máscaras e fizeram aglomerações em alguns momentos da viagem aos Estados Unidos, aumentando as chances de contaminação. Mesmo depois de saber da infecção de Queiroga, o presidente cumprimentou apoiadores.

Também informaram ter testado positivo para a doença a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e o ministro da Advocacia-Geral da União (AGU), Bruno Bianco. Os dois, entretanto, não viajaram com o presidente para os EUA.

Somando os diagnósticos divulgados nesta sexta-feira, 18 ministros de Bolsonaro foram infectados pela Covid-19 – incluindo aqueles que hoje não ocupam mais cargos no Poder Executivo, mas que contraíram a doença enquanto comandavam pastas do governo.

Jair Bolsonaro deverá realizar um novo teste RT-PCR no fim de semana.

Fonte: horadopovo.com.br/eduardo-bolsonaro-e-o-terceiro-com-covid-19-da-comitiva-espalha-virus-a-nova-iorque