Mourão repreende Salles por ausência na reunião do Conselho da Amazônia

Vice-presidente da República, Hamilton Mourão. Foto: Antonio Cruz – Agência Brasil

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, faltou à reunião do Conselho Nacional da Amazônia Legal e foi criticado pelo vice-presidente, Hamilton Mourão, que preside o Conselho: “falta de educação”.

“Lamento profundamente a ausência do Ministério mais importante, que não compareceu à reunião hoje e nem mandou representante, que é o Ministério do Meio Ambiente. Lamento profundamente não mandar representante, não comparecer, muito menos dar qualquer tipo de desculpa”, disse Mourão.

“Então, da forma como eu fui formado, eu considero isso falta de educação”, pontuou.

A reunião foi realizada na quarta-feira (26), no próprio Itamaraty. Na agenda oficial de Salles não constava nenhuma atividade.

Na quarta-feira, Mourão disse que os níveis de desmatamento “pioraram” nos meses de março e abril e que “a situação também não está boa” em maio.

Em janeiro, Salles faltou e não enviou nenhum representante a outra reunião do Conselho, que discutiu o fim da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) na Amazônia.

O ministro Ricardo Salles está sendo investigado por ter participado de um esquema de exportação de madeira ilegal.

Segundo a PF, existem “fortes indícios” de ação criminosa por parte do ministro do Meio Ambiente.

Fonte: horadopovo.com.br/mourao-repreende-salles-por-ausencia-na-reuniao-do-conselho-da-amazonia