Randolfe reage a ataque de Bolsonaro: “eu queria vacina e vocês, propina” – Hora do Povo

Vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Foto: Edilson Rodrigues – Agência Senado

O vice-presidente da CPI da Pandemia, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), respondeu a uma postagem ofensiva de Jair Bolsonaro que tentava difamá-lo e disse que “nossa diferença é grande: eu queria vacina e vocês queriam propina!”.

“O seu governo sempre foi contra a vacina. Nosso trabalho é para garantir que todos tenham acesso às vacinas. Nosso objetivo é salvar vidas!”, continuou o senador.

Jair Bolsonaro publicou em suas redes sociais um vídeo de Randolfe defendendo, em abril, celeridade por parte da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na análise das vacinas para uso emergencial. A publicação diz: “Randolfe pressionou Anvisa para aprovação da Covaxin”.

Bolsonaro disse ainda que Randolfe “queria comprar a Covaxin sem licitação e sem a certificação da Anvisa”.

Segundo Bolsonaro, “Randolfe, Omar [Aziz (PSD-AM), presidente da CPI] e Renildo Calheiros (PCdoB-PE) (irmão de Renan), via emendas, tudo fizeram para que governadores e prefeitos pudessem comprar as vacinas a qualquer preço, com o Presidente da República pagando a conta, obviamente”.

A publicação é uma tentativa de Bolsonaro de fugir das acusações de corrupção por parte de seu governo na compra do imunizante indiano, que têm sido investigadas pela CPI da Pandemia. Bolsonaro, aliás, foi alertado sobre o esquema criminoso, mas preferiu acobertar seus aliados, caracterizando o crime de prevaricação.

Randolfe Rodrigues respondeu a publicação de Bolsonaro dizendo que “é lógico que eu queria vacinas o mais rápido possível. Salvar vidas, pra gente, não é brincadeira e não é algo que se negocie com intermediários”.

“Queria a Janssen, a Covaxin, a AstraZeneca, a CoronaVac, a Pfizer… Nossa diferença é grande: eu queria vacina! Vocês queriam propina!”, denunciou.

“Coloquei emenda sim porque o seu governo sempre foi contra a vacina. Nosso trabalho é para garantir que todos tenham acesso às vacinas. Nosso objetivo é salvar vidas!”, acrescentou Randolfe.

“Quem paga a conta não é você, Bolsonaro. É o povo! A única conta de vocês é a propina”, sustentou.

Fonte: horadopovo.com.br/randolfe-reage-a-ataque-de-bolsonaro-eu-queria-vacina-e-voces-propina