União Brasil terá candidato a presidente da República, afirma presidente da nova sigla – Hora do Povo

Deputado Luciano Bivar (PE), presidente do partido resultado da fusão DEM-PSL. Foto: Cleia Viana – Câmara dos Deputados

O futuro presidente do União Brasil, deputado federal Luciano Bivar (PSL-PE), afirmou que a nova sigla, fruto da fusão entre DEM e PSL, ainda vai “sentir como as nuvens da política se movimentam” para definir de qual lado estará nas votações de matérias no Congresso Nacional.

O partido reunirá uma bancada de 82 deputados e quatro senadores.

“Anteceder qualquer coisa agora é prematuro. Vamos caminhar e vamos sentir como as nuvens da política se movimentam”, disse o parlamentar pernambucano em entrevista ao jornal “O Estado de S. Paulo”.

Bivar se referia a uma máxima do ex-governador mineiro Magalhães Pinto: “Política é como nuvem. Você olha e ela está de um jeito. Você olha de novo e ela já mudou”.

Ainda segundo o deputado, mesmo sem definir uma posição de como vai atuar no Congresso, o União Brasil pretende ter um candidato próprio à presidência da República em 2022 e quer apresentar uma alternativa ao presidente Jair Bolsonaro e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Atualmente, já são três pré-candidatos a presidente pelo União Brasil: o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e o apresentador José Luiz Datena (PSL-SP). O nome do ex-juiz Sergio Moro também é cogitado.

Sobre a possibilidade da terceira via ter um candidato viável no ano que vem, Luciano Bivar destacou que “vai haver realmente uma opção para 55% de brasileiros que ainda não têm em quem votar”. “Vamos apresentar uma opção. O União Brasil vai em busca de outros partidos para que a gente promova essa união”, disse.

Fonte: horadopovo.com.br/uniao-brasil-tera-candidato-a-presidente-da-republica-afirma-presidente-da-nova-sigla