Salve o SUS: 'Fiz consulta, teste rápido da Covid e ainda saí vacinada do posto' – ViDA & Ação

Esse post é para quem ainda duvida da potência do Sistema Único de Saúde. Vale ler até o fim!

Hoje é dia de #TBT da vacina!!! Não postei antes porque foi no susto e acabei só compartilhando no Whatsapp com alguns grupos de amigos. No último dia 27/5, vivi uma verdadeira saga em mais de 3 horas para tentar conseguir realizar meu teste de Covid pela Unimed Rio, da qual sou cliente PJ plano Beta B há 1 ano.

O laboratório mais próximo de casa, da rede Sérgio Franco, estava marcando somente para meados de JULHO. Então, fui orientada a me dirigir ao único local oferecido pelo plano no bairro da Tijuca – o Elio Figueiredo – que aceitava fazer o exame sem marcação prévia.

Chegando lá, tive que ficar sob sol numa fila do lado de fora do prédio, com mais de 15 pessoas na minha frente – na maioria, também pessoas com sintomas de Covid. Um desrespeito e uma covardia com os clientes de planos de saúde. Consegui fazer o teste e fui bem atendida, mas o prazo para o resultado levaria 5 dias – uma infinidade para quem sofre de Transtorno de Ansiedade Generalizado TAG). Até lá – pensava eu – já estaria intubada, se realmente fosse Covid. Para o ansioso, a única versão possível das coisas diante da iminência de uma doença é geralmente a mais trágica).

Então, incentivada por uma amiga, fui parar no posto de saúde Heitor Beltrão, no mesmo bairro, Não acreditava que poderia ser atendida com maior agilidade que pela rede privada, mas resolvi testar, apesar de estar me arrastando com os sintomas do que, até então, imaginava ser mesmo de Covid. Para minha surpresa, não só fui pronta e gentilmente atendida numa consulta médica super-criteriosa, como fiz o teste na hora, descartamos o coronavírus e ainda saí de lá vacinada!!!

Isso mesmo, descobri pela médica da unidade do Sistema Único de Saúde (salve nosso SUS!) que me enquadrava numa das categorias previstas no Programa Nacional de Imunização PNI) por “comprometimento psicossocial”, devido ao tratamento da ansiedade. Sim, pessoas, isso é um transtorno e precisa ser não só tratado, mas muito falado para acabar de vez com o vírus do preconceito que ainda contamina muita gente por aí.

Ah, e pra turma do patrulhamento da vacina, esclareço que não furei fila, não implorei pra ser imunizada e nem simulei atestado, ok?! Por recomendação da própria médica do posto que me sugeriu fazer logo a vacina (e não aguardar pela minha data por idade), apresentei uma receita médica que tinha acessível no meu email na hora. Estava devidamente assinada pelo meu médico, que sequer havia me orientado a respeito do meu direito à vacina no grupo das comorbidades. Aliás, nem eu mesma, apesar do ViDA Ação, sabia que poderia me enquadrar pq esta categoria (comprometimento psicossocial) foi pouco ou quase nada divulgada.

Foi mesmo uma sorte daquelas e totalmente fora de cogitação, mas maravilhoso porque não aguentava mais esperar minha vez (vcs não sabem o que é isso pra quem tem TAG). Tanto que tava com essa cara de doente, cabelo todo desgrenhado, chinelo no pé e nem levei minha doação de alimento nem meu cartazinho #foragenocida..

E só consegui essa fotinha pq uma boa alma que estava lá fez pra mim!!! rsrsMesmo quase sem acreditar, foi uma alegria enorme e grande alívio sair do posto vacinada, mesmo estando meio baqueada com sintomas de uma gripe forte que já durava quatro dias e acabaram potencializando os efeitos da Astrazeneca/Oxford e me derrubaram por 2 dias – senti uma terrível dor nas costas, mas nada se compara à felicidade de estar parcialmente imunizada!!! Enfim, compartilho com vcs ainda que tardiamente esse meu momento histórico.

E me junto aos amigos cariocas dos 51 (uma boa ideia!!) que estão sendo vacinados hj. E podem ir se preparando pq logo depois dos 15 dias pós-segunda dose vem meu niver, no Dia Internacional do Jornalista (8/9). E dessa vez vai ter comemoração sim. E vai ser com roda de samba ao ar livre só pros amigos jacarés devidamente transformados (digo, vacinados)!!!

#forabolsonaro#foragenocida#vivaosus#fiocruz#butantan#vacinaparatodos#vacinasim#vacinação#papodepandemia#vidaeacao

Obs: Texto publicado originalmente nas redes sociais.

Fonte: www.vidaeacao.com.br/salve-o-sus-fiz-consulta-teste-rapido-da-covid-e-ainda-sai-vacinada-do-posto