'Você não é cavalo nem vaca', diz FDA sobre ivermectina – ViDA & Ação

“Você não é um cavalo. Você não é uma vaca. Sério, pessoal. Parem com isso”, disse a FDA (Food and Drug Administration), agência reguladora federal de saúde e vigilância sanitária dos Estados Unidos, em uma campanha contra o uso do medicamento Ivermectina para tratar a Covid-19. O órgão americano, que é equivalente à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aqui no Brasil, postou a declaração no último sábado (21) em sua página oficial no Twitter.

Segundo a FDA, Ivermectina é uma substância para animais e que não deve ser usada em humanos e nem como tratamento da Covid-19. A mensagem acompanha um texto chamado “Porque você não deve usar ivermectina para tratar ou prevenir covid-19”. A substância não teve a sua eficácia contra a Covid comprovada, mas há grupos políticos que recomendam seu uso, especialmente no Brasil, onde cresce o movimento negacionista liderado pelo presidente Jair Bolsonaro desde que a pandemia chegou ao país.

A FDA afirma que parece haver um interesse crescente na ivermectina para ser usada como tratamento de pessoas contra a Covid. “A ivermectina é frequentemente usada nos Estados Unidos para tratar ou prevenir parasitas em animais. A FDA recebeu múltiplos relatos de pacientes que necessitaram de apoio médico e foram hospitalizados após se automedicarem com ivermectina destinada a cavalos”, afirma.

A agência reitera que não aprovou o medicamento para uso no tratamento ou prevenção de covid em humanos e que a invermectina não é um antiviral. “Há muita desinformação por aí, e você deve ter ouvido que não há problema em tomar grandes doses de ivermectina. Isso está errado”, diz a agência.

“Enquanto isso, maneiras eficazes de limitar a propagação da covid-19 continuam a ser usar sua máscara, ficar a pelo menos 6 pés de outras pessoas que não moram com você, lavar as mãos com frequência e evitar multidões“, completa.

O que se deve saber sobre a Ivermectina

No texto, a agência afirma que o trabalho da FDA é avaliar cuidadosamente os dados científicos sobre um medicamento para ter certeza de que ele é seguro e eficaz para um determinado uso, e depois decidir se o aprova ou não. “O uso de qualquer tratamento para a covid-19 que não tenha sido aprovado ou autorizado pela FDA, a menos que faça parte de um ensaio clínico, pode causar sérios danos”, diz. A FDA listou quais são os usos da ivermectina e o que se sabe sobre o medicamento:

A FDA não aprovou a Ivermectina para o tratamento ou prevenção da Covid-19 em humanos. Os comprimidos de Ivermectina são aprovados em doses muito específicas para alguns vermes parasitas e há formulações tópicas indicadas para piolhos e doenças de pele, como a rosácea. A Ivermectina não é um antiviral (um medicamento para o tratamento de viroses).

Tomar grandes doses dessa droga é perigoso e pode causar sérios danos.

Se você tem uma receita de Ivermectina para uso aprovado pela FDA, obtenha essa receita de uma fonte legítima e tome-a exatamente como foi prescrito.

Nunca use medicamentos destinados a animais em você. As preparações de Ivermectina para animais são muito diferentes das aprovadas para humanos.

Leia mais

‘Doutor’ Bolsonaro volta a atacar: vacina é experimental como a cloroquina’
‘Brasil está na vanguarda da estupidez mundial’, diz musa da CPI da Covid
Falhas na resposta à Covid-19 levam Brasil a catástrofe humanitária, diz MSF

Com agências

Fonte: www.vidaeacao.com.br/fda-condena-ivermectina