Crise no transporte público de Teresina chega ao fim com acordo

A Prefeitura de Teresina e os empresários do setor de transporte público chegaam a um acordo que põe fim à crise no transporte público na capital piauiense. Os empresários concordaram com a última proposta apresentada pelo Palácio da Cidade, que garante a retomada da prestação do serviço nos próximos dias.

De acordo com Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut), nas próximas horas, uma nota será divulgada com os detalhes do acordo.

O secretário de Planejamento da prefeitura, João Henrique Souza, também confirmou o acordo. “Cheguei de viagem ontem à noite, por volta de 23 horas, e recebei uma mensagem da Dra Naiara me agradecendo, e confirmando que finalmente os empresários tinham assinado o acordo”, informou por telefone.

Segundo o procurador do Município, Aurélio Lobão, o acordo que será protocolado na Justiça se refere à dívida de 2020, no valor de R$ 21 milhões, que será pago em doze meses.

O acordo prevê a retomada imediata da frota às ruas, conforme as ordens de serviço da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), e também trata de pontos como punição às empresas em caso de paralisação dos trabalhadores e o controle da bilhetagem eletrônica, que passará para o município.

Fonte Piauí News