Twitter suspende conta de Luciano Hang, o 'Véio da Havan'

São Paulo – O Twitter suspendeu nesta quarta-feira (12) a conta do empresário bolsonarista Luciano Hang. A plataforma alega que o “Véio da Havan” violou as regras da rede social. É a que Hang recebe uma punição desse tipo. Em 2020, por determinação do ministro Alexandre de Moraes, ele também teve seus perfis suspensos, não apenas no Twitter, mas também no Facebook. Na ocasião, a decisão ocorreu no âmbito do inquérito das fake news. E também incluiu outros apoiadores do atual presidente, como o ex-deputado Roberto Jefferson e o blogueiro Allan dos Santos, dentre outros.

A ação do Twitter contra Hang está relacionada à crescente pressão para que a plataforma adote mecanismos de combate à desinformação. Na semana passada, o Ministério Público Federal deu 10 dias úteis para que a rede social explique por que não tem um canal de denúncias específicos para tratar de fake news sobre Covid.

Nesse sentido, o Twitter também excluiu nesta terça-feira 11 posts do pastor . Além disso, ele também teve a sua conta bloqueada por 24 horas. Nas publicações, ele chegou a classificar como “infanticídio” a vacinação infantil contra a covid-19. “Vacinar crianças é um verdadeiro infanticídio. Os números provam que não há necessidade de fazer isso”, escreveu o religioso. Um dia antes da punição, o termo figurou entre assuntos mais comentados.

Recorrente

Não bastante as suspensões nas redes sociais, Luciano Hang também consta na lista de indiciados no relatório final da CPI da Covid. A comissão sugeriu ao MPF que ele fosse processado por incitação ao crime. Durante a pandemia, ele compartilhou publicações contrárias ao distanciamento social e ao uso de máscaras. Também chegou a levantar suspeitas sobre a eficácia da vacina CoronaVac.

Além disso, o “Véio da Havan” também foi um dos do chamado “kit covid”, com medicamentos sem eficácia contra a doença. Por fim, até mesmo a sua mãe teria utilizado o suposto tratamento, vindo a falecer na sequência.

Fonte: www.redebrasilatual.com.br/cidadania/2022/01/twitter-suspende-conta-de-luciano-hang-o-veio-da-havan